Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

DER TERRORIST

"Podem ainda não estar a ver as coisas à superficie, mas por baixo já está tudo a arder" - Y. B. Mangunwijaya, escritor indonésio, 16 de Julho de 1998.

O MOTUS que sucedeu ao POTUS, Capítulo III

por josé simões, em 12.07.18

 

 

 

"O que acha do Brexit?"

"Li sobre isso nos últimos dois dias. Tenho lá muitas propriedades, ganhei as eleições por muito, os britânicos gostam muito de mim, enfim, ganhei um estado que o Reagan não ganhou. E é isso que acho do Brexit."

 

[Via]

 

MOTUS: Moron of The United States

 

Capítulo I

Capítulo II

 

 

 

 

O MOTUS que sucedeu ao POTUS, Capítulo II

por josé simões, em 12.07.18

 

 

 

"I'm very consistent. I am a very stable genius"

 

Capítulo I

 

O MOTUS que sucedeu ao POTUS

por josé simões, em 11.07.18

 

 

 

"Good morning everybody. Good morning to the media. The legitimate media and the fake news media. Good morning to them. A lot of good people here. Surprising."

 

MOTUS: Moron of The United States [POTUS]

 

[Roubado ao Matt Novak]

 

 

 

 

Liberalismo

por josé simões, em 09.07.18

 

morte_.jpg

 

 

Plafonamento da Segurança Social, seguros de saúde, planos de poupança reforma, cheque-ensino, assistencialismo, desmantelamento do Estado social, função social do Estado em trespasse a favor de terceiros denominados "terceiro sector", o direito do mais forte à liberdade, quatro anos de Passos Coelho/ Paulo Portas pela batuta da Troika interrompidos:

 

New Jersey officials said on Monday they were investigating why a utility company shut off power last week at the Newark home of a woman in hospice care who then died after her electric-powered oxygen tank stopped operating.

Family members of the woman, Linda Daniels, said she gasped for air for hours on Thursday until she died of congestive heart failure. The company, Public Service Electric and Gas Company, had cut off power to her home that morning because of overdue bills.

 

[Imagem de autor desconhecido]

 

 

 

 

Da série "Grandes Primeiras Páginas"

por josé simões, em 04.07.18

 

ny_daily_news (1).jpg

 

 

No Fourth of July a primeira página do NY Daily News.

 

 

 

 

Relatório e Contas. Resumo da Semana

por josé simões, em 23.06.18

 

free.jpg

 

 

[Cruz Ortiz]

 

 

       hastag #supportsb3036 Instagram

 

       hastag #supportsb3016 Twitter

 

 

 

 

El Sueño Americano

por josé simões, em 21.06.18

 

1 (17).jpg

 

 

2 (17).jpg

 

 

3 (16).jpg

 

 

4 (14).jpg

 

 

5 (14).jpg

 

 

6 (12).jpg

 

 

7 (11).jpg

 

 

Tom Kiefer was a Customs and Border Protection janitor for almost four years before he took a good look inside the trash. Every day at work—at the C.B.P. processing center in Ajo, Arizona, less than fifty miles from the border with Mexico—he would throw away bags full of items confiscated from undocumented migrants apprehended in the desert. One day in 2007, he was rummaging through these bags looking for packaged food, which he’d received permission to donate to a local pantry. In the process, he also noticed toothbrushes, rosaries, pocket Bibles, water bottles, keys, shoelaces, razors, mix CDs, condoms, contraceptive pills, sunglasses, keys: a vibrant, startling testament to the lives of those who had been detained or deported. Without telling anyone, Kiefer began collecting the items, stashing them in sorted piles in the garages of friends.

 

 

 

 

Da série "Grandes Primeiras Páginas"

por josé simões, em 21.06.18

 

A capa da Time.jpg

 

 

"Welcome to America", a capa da Time [the story behind].

 

 

 

 

Justiça nazi

por josé simões, em 20.06.18

 

justiça nazi.jpg

 

 

Em "Justiça Nazi, a lei do holocausto" Richard Lawrence Miller explica como o poder legislativo alemão se transformou numa organização criminosa e em como "a vida pública foi gradualmente dominada por um aparelho burocrático indiferente ao atropelo dos direitos humanos com a comunidade a colaborar de boa mente no processo [...], e alerta-nos para "o desfecho inevitável da pretensão de excluir determinados membros da sociedade, mediante abusos sistemáticos da interpretação da lei, susceptíveis de ocorrerem em qualquer país do Ocidente".

 

Uma semana depois de Jeff Sessions, secretário da Justiça norte-americano, citar a Bíblia para legitimar as políticas de imigração da administração Trump e a separação de filhos dos pais, temos o país de André Biss de "Como Foi Salvo Um Milhão de Judeus", governado por Viktor Orbán, com assento no Parlamento Europeu na bancada do Partido Popular Europeu, do PSD e CDS, no dia Mundial dos Refugiados a aprovar um pacote legislativo que torna crime prestar auxílio a quem entre no país sem documentos legais e criminaliza os sem-abrigo.

 

Onde é que falhámos todos, individualmente e como comunidade, 70 anos passados sobre a derrota do nazismo e do fascismo? Foi no não contar, no não falar, no não passar a memória.

 

[Imagem]

 

 

 

 

Uma indiganção por dia não sabe o bem que lhe fazia

por josé simões, em 19.06.18

 

circus (1).jpg

 

 

Vamos ficar todos muito indignados porque os Estados Unidos abandonaram o Conselho dos Direitos Humanos da ONU, o Trump, aquele malandro, o filho da puta, o fascista, e fingir que a Arábia Saudita, a Indonésia, o Catar, o Burúndi, a Etiópia, as Filipinas, a Mongólia, os Emiratos Árabes, Cuba, o Egipto, o Iraque, o Ruanda, China, Venezuela, por exemplo, não fazem/ fizeram parte do referido Conselho. Siga.

 

[Imagem]

 

 

 

 

Chama-se a isto levar por tabela

por josé simões, em 18.06.18

 

markmcevoy.jpg

 

 

Donald Trump, para exemplificar o que não quer nos Estados Unidos - milhares de imigrantes a assolarem as fronteiras do país todos os dias, invocou a crise migratória que assola a Alemanha [e a Europa], convertida em crise política alemã e, mais cedo que tarde, crise política europeia, a Alemanha e a Europa vítimas directas, por seguidismo político acéfalo e/ ou abstenção e fechar de olhos, dos milhares de refugiados provocados pelas políticas bélicas do amigo 'amaricano', do espalhar a democracia e a economia de mercado pela rosa dos ventos, assentes na mudança de aliados conforme as circunstâncias e os interesses. Chama-se a isto levar por tabela.

 

[Imagem]

 

 

 

 

Detido perto da fronteira

por josé simões, em 14.06.18

 

DfpSSQQX0AUV544.jpg

 

 

Esta imagem na primeira página do The New York Times de hoje.

 

 

 

 

Entretanto nos States, que é onde tudo sempre começa e onde tudo acaba sempre

por josé simões, em 12.06.18

 

paving for pizza.png

 

 

Naomi Klein em No Logo - O Poder das Marcas [em português] já havia demonstrado como os sucessivos cortes orçamentais pela agenda liberal e neo-liberal das administrações norte-americanas obrigaram as universidades a recorrer a subsídios e financiamentos de empresas privadas para sobreviver e, como a consequência da entrada das marcas globais no campus universitário, a adulteração dos currículos e dos cursos, direccionados e orientados consoante a vontade e exigência do pagador, a empresa ou a marca que os subsidia. Como disse uma vez a dona Manuela Ferreira Leite "quem paga é quem manada". Agora, e fazendo honra ao escrito por Marx em 1852 no Dezoito Brumário de Louis Bonaparte, assistimos à repetição da história em farsa, com os cortes orçamentais, na Europa a austeridade, a obrigarem os municípios  aceitar o contributo das empresas privadas por forma a conseguirem manter as estradas minimamente aceitáveis e circuláveis.

 

Domino’s Pizza ($DPZ) is filling in potholes in towns across the U.S. with a new ‘”Paving for Pizza” initiative. The American pizza chain announced on Monday that it will help “smooth the ride home” for deliveries by making pothole repairs in towns nominated by their customers

 

 

 

 

The American Dream

por josé simões, em 08.06.18

 

american dream.jpg

 

 

[Roubado]

 

 

 

 

Trump Portrait Contest

por josé simões, em 03.04.18

 

Fontana_Jamie-1.jpg

 

 

Promise_Casey-2.jpg

 

 

Hammett_Abigail 3.jpg

 

 

A Trump Portrait Contest Provides Some Artistic Catharsis