Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

DER TERRORIST

"Podem ainda não estar a ver as coisas à superficie, mas por baixo já está tudo a arder" - Y. B. Mangunwijaya, escritor indonésio, 16 de Julho de 1998.

|| Do PSD profundo – Uma estória de doutores

por josé simões, em 25.07.13

 

 

 

A Fundação Luso-Americana para o Desenvolvimento, presidida pelo Dr. Rui Machete, tinha uma participação na Sociedade Lusa de Negócios, cujo Conselho Superior era presidido pelo Dr. Rui Machete, que foi posteriormente vendida, com "uma mais valia significativa" e com uma "remuneração muito interessante" e que gerou "resultados muito interessantes”, porque o modelo de gestão do banco levantava sérias dúvidas [ao vendedor ou ao comprador?] Dr. Rui Machete, que teve sempre a colaboração do presidente do banco nos esclarecimentos pedidos, o Dr. Oliveira Costa, secretário de Estado do Dr. Cavaco Silva [que também teve "remuneração muito interessante" com a venda das acções da SLN] e que anteriormente havia sido ilibado de quaisquer suspeitas, por uma comissão parlamentar de inquérito, presidida pelo Dr. Rui Machete, a propósito do perdão fiscal dado pelo Dr. Miguel Cadilhe [secretariado pelo Dr. Oliveira Costa], ministro das Finanças do Dr. Cavaco Silva e depois presidente do BPN.

 

"Uma certa podridão de hábitos políticos" é isto, ou estou a ver mal o filme?

 

[Imagem de Daveys Locker]

 

 

 

 

 

 

|| "Empreendedorismo" e "Inovação". Faz sentido

por josé simões, em 03.02.13

 

 

 

Lá diz o povo na sua imensa sabedoria que "tão ladrão é o que vai à horta como o que fica à porta", o senhor Alves não roubou nada a ninguém mas reconheceu em tribunal [audição parlamentar] que não avisou a polícia [Banco de Portugal] de que os ladrões andavam às couves [a desfalcar o BPN].

 

O senhor Pereira rejeita as diversas insinuações e suspeitas lançadas sobre o senhor Alves, em quem deposita total confiança [um empreendedor e um inovador?], porque já basta de baixa política. Faz sentido.

 

[Imagem]

 

 

 

 

 

 

|| Vigaristas e outras coisas terminadas em istas

por josé simões, em 19.01.11

 

 

 

 

 

Dizem que Manuel Alegre não presta para nada porque é apoiado pelos trotsquistas do Bloco e pelos maoístas-estalinistas do MRPP e que bom bom é Cavaco Silva que é apoiado pelos oliveiristas-fantasistas-louleiristas do BPN e da SLN.

 

(Imagem)

 

 

 

 

 

 

 

 

 

|| Who gives a fuck?

por josé simões, em 04.01.11

 

 

 

 

 

 

O Estado é pesado, omnipresente, e não deixa às pessoas espaço para respirar. Às vezes (a maior parte das), a ideia que fica é que os ministros e secretários de Estado quando acordam de manhã olham-se no espelho e, enquanto lavam os dentes, pensam: "qual vai ser o imposto que vou inventar hoje, qual vai ser a taxa que vamos aumentar?" e, há falta de se poder inventar um imposto, aumentar uma taxa (ou ambos), sempre se pode retirar algum benefício ou compensação. E depois sucede que personagens como Valentim Loureiro, Isaltino Morais e outros que tais, ganham eleições apesar dos processos em tribunal, não por falta de informação dos eleitores, mas porque são vistos aos olhos do povo como autênticos heróis que conseguiram enganar o sistema. É o "ele é que é esperto", "ele é que a sabe toda", "a ele ninguém come as papas na careca". É preciso fazer um desenho?