Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

DER TERRORIST

"Podem ainda não estar a ver as coisas à superficie, mas por baixo já está tudo a arder" - Y. B. Mangunwijaya, escritor indonésio, 16 de Julho de 1998.

Foi para isto que se fez o 25 de Abril?

por josé simões, em 16.01.23

 

RSC.png

 

 

A Teoria da Substituição, por Rodrigo Sousa e Castro, capitão de Abril, num tweet que o Ventas do Chaga não desdenharia. Foi para isto que se fez o 25 de Abril?

 

[Link na imagem]

 

 

 

 

Preto não entra

por josé simões, em 07.12.22

 

Sem Título.png

 

 

A gente olha para a imagem na conta Twitter do dono do mesmo e até acha piada, ya, mais um devaneio do alucinado que quer conquistar o espaço, meter um chip na moleirinha dos incapacitados para os ajudar na locomoção, uma interacção cérebro-computador, tudo boas intenções, mesmo que depois venha a ser computador-cérebro, já vimos esses filmes no cinema, adiante, uma Arca do Noé espacial, salvar as espécies do suicido colectivo das alterações climáticas e aquecimento global, não olhem para cima, mas depois olhamos bem para baixo, para o desenho e vemos uns moinantes de arma em punho apontada para uma multidão de pretos de braços no ar. Preto não entra, pesquisem no Google Lens, há imagens com melhor definição. A coisa começa a fazer sentido, o desbloqueio das contas racistas, fake news, incitamento ao ódio, QAnon e o mais que seja, o amigo Trump e os supremacistas brancos. Este gajo é um perigo à solta com exposição mediática e uma legião de acéfalos atrás.

 

[Link na imagem]

 

 

 

 

"O Parlamento não autoriza a ida de Marcelo a Beja"

por josé simões, em 22.11.22

 

beja.jpg

 

 

À hora da publicação deste post, o tweet da POPTime "ABSURDO! Catar construiu muros para esconder população pobre do país durante a Copa do Mundo 2022" já leva 1.261 retweets, 2.778 tweets com comentário, 16,7 mil likes. Exactamente o mesmo que a câmara de Beja fez para esconder os ciganos no Bairro das Pedreiras. "O Parlamento não autoriza a ida de Marcelo a Beja" podia ser um título de primeira página ou a abertura de um telejornal em Portugal.

 

[Link na imagem]

 

 

 

 

O que é que se faz a gente, portugueses, cidadãos, deste calibre?

por josé simões, em 19.11.22

 

chega.jpg

 

 

O sindicato dos Profissionais de Polícia, aquele que é presidido pelo senhor agente que assume identificar-se com o Movimento Zero, diz que "Nunca admitiremos que estratégias que visem o enfraquecimento das estruturas sindicais e da própria polícia possam prejudicar o fim a que nos propomos, ou seja a defesa do cidadão de bem". "Cidadão de bem". O que é que se faz a gente, portugueses, cidadãos, deste calibre?

 

 

 

 

Conversa da boa

por josé simões, em 17.11.22

 

eduardo-cabrita.png

 

 

O senhor do sindicato da polícia que há dois anos e um dia dizia em entrevista identificar-se com o Movimento Zero estranha o contexto da reportagem, não estranha o conteúdo da mesma. Por nós estamos conversados.

 

[Na imagem, de autor desconhecido, Eduardo Cabrita, que conseguiu estar seis anos no Governo, 4 - quatro - 4 dos quais com a tutela, e não dar por nada]

 

 

 

 

A estupidez estampada numa primeira página

por josé simões, em 03.11.22

 

DE.jpg

 

 

O tablóide bife da direita racista e xenófoba, alinhado com o UKIP e com os tories na campanha pelo Brexit, acusado pelo Alto Comissariado das Nações Unidas para os Direitos Humanos de fomentar o discurso do ódio, traz para a primeira página os esforços da filha de imigrantes originários do Quénia e das Ilhas Maurícias, Suella Braverman, secretária do Interior, em mandar para o Peru, Paraguai e Belize, os imigrantes que chegam clandestinos a Inglaterra pelo canal, como alternativa ao Plano A - Ruanda. Se isto não é a estupidez estampada numa primeira página...

 

 

 

 

É a marca que carrega o imbecil ou é o imbecil que carrega a marca?

por josé simões, em 26.10.22

 

1.jpg

 

 

Sendo que a imensa maioria dos seguidores do imbecil são tão ou mais imbecis que ele, no sentido da burrice e da falta de cultura, que não fazem a ponta de um corno de ideia do que é o anti-semitismo, ser anti-semita, o que foi o século XX judeu na Europa até final da II Guerra Mundial, o que leva uma marca como a Adidas, primeiro a assinar com o imbecil, depois a mantê-lo durante anos sem questionar a saúde mental do contratado - posições sobre racismo, religião, ensino, para por fim cancelar o contrato, depois do imbecil fazer mais uma vez o papel de idiota útil de bandos neo-nazis? É a marca que carrega o imbecil ou é o imbecil que carrega a marca? Esta é outra dimensão que escapou a Naomi Klein quando escreveu "No Logo, o poder das marcas".

 

[Imagem de autor desconhecido] 

 

 

 

 

Let's talk about racism and xenophobia

por josé simões, em 20.10.22

 

A capa do The Economist.jpg

 

 

Vamos falar de racismo e xenofobia. A primeira página do The Economist.

 

 

 

 

A bolha de Marcelo

por josé simões, em 20.06.22

 

marcelo.jpg

 

 

O paradoxo que é Marcelo, omnipresente e omnisciente, viver numa bolha que não lhe permite ter contacto com o "vai mazé pra a tua terra!" na ponta da língua de qualquer anónimo do beijinho e da selfie de cada vez que uma discussão ou conversa mais acalorada, a envolver um estrangeiro ou alguém com o tom de pele um niquinho mais para o escuro, rebenta num café, uma repartição, num transporte público. Não, os portugueses não têm "vocação de abertura, inclusão e tolerância", coisíssima nenhuma.

 

[Link na imagem]

 

 

 

 

No país do faz de conta

por josé simões, em 13.05.22

 

hitler_ scott scheidly.png

 

 

Relação considera que grupo neonazi de Mário Machado não é racista

 

[Link na imagem]

 

 

 

 

O Verdadeiro Artista

por josé simões, em 04.05.22

 

clown.png

 

 

Presidente de sindicato de força policial com três inspectores acusados de homicídio de cidadão imigrante ucraniano à pancada em instalações controladas pela organização acusa outras forças policiais de xenofobia e racismo por práticas de tortura a imigrantes.

 

[Link na imagem]

 

 

 

 

Al Jolson na política no século XXI

por josé simões, em 31.03.22

 

Al_Jolson_1924.JPG

 

 

O doutor Gabriel, com obra publicada onde advoga que "O Colonialismo Nunca Existiu" e que "O racismo deixou de existir", eleito deputado pelo partido das manifs "Portugal não é racista", alega não ter chegado a vice-presidente do Parlamento por racismo dos seus pares na hora de ir a votos, aposta do líder que na anterior legislatura propôs que uma deputada eleita  fosse "devolvida ao seu país de origem", tudo uma questão de "liberdade de expressão", segundo o doutor deputado eleito, que recusa regressar a Moçambique por preferir ser o Al Jolson ao contrário, que é como quem diz, o idiota útil da extrema-direita, uma força de expressão, nada de "tratar os negros como se tratam os pretos", honi soit qui mal y pense.

 

[Link na imagem]

 

 

 

 

Greetings from the wonderful Portugal

por josé simões, em 14.02.22

 

wonderful-portugal-vacation-cards.jpg

 

 

"Após se terem filiado ao Chega, o partido de extrema-direita que nas últimas eleições conquistou 12 lugares no parlamento português, vários imigrantes brasileiros teriam sido vítimas de atitudes racistas e xenófobas por parte dos seus próprios companheiros."

 

O canibal vegetariano

 

[Link na imagem]

 

 

 

 

The Nativity as reported by the Daily Mail

por josé simões, em 26.12.21

 

1.jpg

 

 

2.jpg

 

 

3.jpg

 

 

[Link nas imagens]

 

 

 

 

Da série "Portugal não é um país racista"

por josé simões, em 07.12.21

 

gesto.jpg

 

 

Duas coisas a reter no ataque racista e xenófobo de que foi alvo o motorista da Transportes Sul do Tejo:

 

     - A paragem cheia de gente sem que ninguém se tenha dignado mexer um dedo ou abrir a boca em defesa do atacado;

     - No day after as caixas de comentários e as contas Facebook e Twitter com "é preciso saber o contexto".

 

Puta que pariu.

 

[Imagem de autor desconhecido]