Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

DER TERRORIST

"Podem ainda não estar a ver as coisas à superficie, mas por baixo já está tudo a arder" - Y. B. Mangunwijaya, escritor indonésio, 16 de Julho de 1998.

|| A China. É mesmo aqui ao lado

por josé simões, em 07.11.11

 

 

 

Confesso que ao ler que «Bruxelas poderá multar países com taxas de desemprego acima dos 10%» a minha primeira reacção foi desatar a rir desalmadamente. Então promovem-se políticas que causam recessão e provocam o desemprego e depois multa-se os países com elevadas taxas de desemprego? Ou não percebem nada de Economia ou isto é a gozar com o pagode… A não ser que, gradualmente, se eliminem os subsídios e os apoios aos desempregados, se acabe com a segurança social mais as pensões e as reformas, se baixem os salários de tal modo que as pessoas serão obrigadas a trabalhar quase de borla e a troco de uma malga de arroz. Como na China.

 

E estava eu ainda a tentar parar de rir quando dou de caras com as declarações do "camarada" do partido irmão do PCP, Jin Liqun de seu nome, a acusar os europeus de preguiça e indolência e a arrasar o as leis do trabalho e o sistema de segurança social da Europa. E, de repente, isto passa tudo a fazer sentido. Bruxelas sabe muito bem do que fala e tem um objectivo definido: a chinesização da Europa.

 

[Na imagem, China, cartaz de propaganda “Fornecendo produtos de boa qualidade, servindo as pessoas com todo o meu coração”]