Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

DER TERRORIST

"Podem ainda não estar a ver as coisas à superficie, mas por baixo já está tudo a arder" - Y. B. Mangunwijaya, escritor indonésio, 16 de Julho de 1998.

O Protocolo

por josé simões, em 24.05.17

 

Ivanka Melania Trump Francisco.jpg

 

 

Diz que a Ivanka e a Melania foram muito corajosas por se terem apresentado de cabelo ao vento aos fundamentalistas da Arábia Saudita.

 

 

 

 

 

Cara de Papa

por josé simões, em 12.05.17

 

cerelac.JPG

 

 

"...porque é um Papa de que toda a gente gosta e porque realmente tem cara de Papa"

 

Teen entrevistada no santuário de Fátima depois de Francisco, Papa, ter passado pelo meio da multidão.

 

[Imagem]

 

 

 

 

 

Vale tudo para o espectáculo

por josé simões, em 10.05.17

 

pastorinhos.jpg

 

 

Ontem, a propósito da visita de Jorge Mario Bergoglio a Fátima, foram repostas as fronteiras terrestres. À parte a piada feita que é repor as fronteiras terrestres a pretexto da segurança de alguém que reclama o estatuto de secretário de Deus no planeta Terra, as televisões estavam lá todas, desde Quintanilha a Vila Verde de Ficalho, passando por Vilar Formoso e Caia, para mostrar que os possíveis eventuais malfeitores terroristas atentadores da vida e da segurança do Papa Francisco têm todas as portas barradas pelos guardas fronteiriços de ocasião. Não podem entrar. Aliás, só entravam a partir de ontem e exactamente a contar da hora do fecho das ditas.

 

[Imagem]

 

 

 

 

 

O Meu Livro da Terceira Classe

por josé simões, em 04.02.17

 

 

 

107 anos de República no Estado laico e 40 anos de Constituição democrática, revista e com os poderes presidenciais definidos e consagrados:

 

é do mais elementar bom senso não receber o Papa com a sociedade portuguesa a discutir a eutanásia

 

 

 

 

 

Hollywood liberta

por josé simões, em 30.07.16

 

Papa Francisco Auschwitz.jpg

 

 

O Papa foi sozinho a Auschwitz? Não.
O Papa chegou sozinho Auschwitz? Não.
O Papa estava sozinho em  Auschwitz? Não.


Chegou um magote de gente, comitiva, representantes oficiais, representantes do Governo polaco, a comunicação social, fotógrafos, bajuladores vários e emplastros diversos, com o Papa lá no meio. Passaram todos para o outro lado. Passou depois o Papa, fotografado visto de baixo, visto de cima, visto dos lados, filmado de todos os ângulos possíveis e imaginados por câmaras previamente instaladas em braços de gruas e em drones. Não se lembraram de o fazer no Inverno, um Papa todo de branco num campo de extermínio coberto de neve, o efeito visual ainda era infinitamente maior.


Bardamerda para o Vatiwood [Vaticano + Hollywood] rodado no "cu do mundo" e na falta de respeito pela memória de um milhão e trezentos mil mortos.


[Imagem]

 

 

 

 

Guardar

Guardar

||| De onde menos se espera sai um jacobino

por josé simões, em 17.05.16

 

will_govus.jpg

 

 

"Un Estado debe ser laico. Los Estados confesionales terminan mal. Esto va contra la Historia. Creo que una laicidad acompañada de una sólida ley que garantice la libertad religiosa ofrece un marco para avanzar"


El papa: "Un Estado debe ser laico"


[Imagem de Will Govus]

 

 

 

 

||| Change

por josé simões, em 08.04.16

 

lfjesus.jpg

 

 

"I am delighted to have been invited by the Vatican to a meeting on restoring social justice and environmental sustainability to the world economy," Mr. Sanders said in a statement. "Pope Francis has made clear that we must overcome 'the globalization of indifference' in order to reduce economic inequalities, stop financial corruption and protect the natural environment. That is our challenge in the United States and in the world."

 

 

 

 

||| Do burlesco

por josé simões, em 17.03.16

 

rhino.jpg

 

 

A embaixada de Marcelo ao Papa, em nome de D. Afonso Henriques, curvado no beija-mão piedoso, por 1179, pelo milagre de Ourique e pela visão de Nuno Álvares no campo de S. Jorge. Na primeira visita de Estado fora de portas Marcelo Rebelo de Sousa nomeado Marcelo I pela bênção papal.


O Portugal que já não existia, do simbolismo inventado por António Ferro e do castelo de Guimarães restaurado por medida dos feitos heróicos e da afirmação da nacionalidade, afinal ainda existe. Depois da tragédia – Cavaco, a comédia – Marcelo, com o caminho-de-ferro de Benguela, a cultura do sisal em Moçambique e o cacau em S. Tomé na ponta da língua. Heróis do mar, Nobre povo, Nação valente e imortal.


[Imagem]

 

 

 

 

||| Em nome do Pai

por josé simões, em 17.06.15

 

no logo.jpg

 

 

Já tínhamos uma Bíblia da anti-globalização selvagem, pelo capitalismo das marcas e das corporações. Agora temos um Papa anti-globalização selvagem, contra o Governo global das multinacionais. E um Papa com uma Bíblia na mão é outra loiça.


[O livro é meu, a imagem é minha]

 

 

 

 

|| Da mentira e da soberba

por josé simões, em 14.02.15

 

cristo.jpg

 

 

Tanto se lhe dá que o Estado português seja laico, tanto se lhe dá que a cerimónia seja uma cerimónia religiosa e não uma cerimónia de Estado, do Estado do Vaticano. Peanuts para quem vai comprar indulgências por andar a fazer como político exactamente o contrário do que o que a religião que professa ensina e o oposto do que o líder da igreja que frequenta – o Papa, defende. Tanto se lhe dá, é mais uma exibição de botões de punho entre aeroportos e uma selfie com o senhor Francisco para pôr em cima da secretária de trabalho, estrategicamente virada para os flashes das máquinas em futuras entrevistas. Tanto se lhe dá que a mentira seja condenável pelo catecismo e a soberba um pecado capital.


"Em 2017 acontece o centenário das aparições de Fátima, que em 1917 era uma periferia, uma aldeia. Nossa Senhora apareceu a pastores muito humildes"


[Imagem de autor desconhecido]

 

 

 

 

||| Os Dias do Fim

por josé simões, em 20.01.15

 

End_of_days.jpg

 

 

A senhora chamava-se Stella Maris... Já vi este filme no cinema, é com o Arnold Schwarzenegger, e o Gabriel Byrne no papel de Diabo.


"Faleceu pelas 03:30 desta madrugada, no hospital de Alcobaça, a senhora Stella Maris Kriger, de 61 anos, que recebeu um telefonema do papa Francisco na passada segunda-feira [dia 12], quando estava ainda internada no hospital de Santo André, em Leiria"


[Imagem]

 

 

 

 

||| Allahu Akbar

por josé simões, em 15.01.15

 

papa francisco.jpg

 

 

Isso. Eles agradecem. Continuem todos muito entretidos com debates da treta sobre "liberdade de expressão" e discussões intermináveis, e não menos da treta, sobre os limites à "liberdade de expressão", quando o que está em causa é muito mais do que isso, é muito mais nobre, é a laicidade do Estado. Isso. Continuem. Eles agradecem.


"Não se pode provocar nem insultar a fé das outras pessoas. Não se pode ridicularizar a fé. A liberdade de expressão tem limites"


[Imagem]

 

 

 

||| E quando pensávamos que já tínhamos visto de tudo...

por josé simões, em 15.11.14

 

 

 

 

O concerto começa, devagar, com “Jesus died for somebody's sins but not mine, Meltin' in a pot of thieves, Wild card up my sleeve, Thick heart of stone, My sins my own, They belong to me, me” e termina em apoteose com a sala de pé a entoar “Jimi Hendrix was a nigger, Jesus Christ and Grandma, too. Jackson Pollock was a nigger, Nigger, nigger, nigger, nigger, Nigger, nigger, nigger”?

 

Papa Francesco sorprende la Curia e chiama Patti Smith al suo concerto

 

[A imagem é fanada deste filme]

 

 

 

 

 

 

||| Perdidos e achados

por josé simões, em 29.06.14

 

 

 

O partido político global há mais tempo no activo e com a base eleitoral de apoio em perda constante para os partidos e grupelhos radicais, também do Deus de Abraão, andou um ror de tempo entretido a carregar ricos para o céu enquanto contava aos pobres histórias com camelos e buracos de agulhas e, eis senão quando, olha a toda a volta e pensa que o esquecimento foi roubado. Tomassem mais atenção à imensa sabedoria dos pobres, a quem contavam as histórias com animais de jardim zoológico e instrumentos de costura, e tinham aprendido que "quem não é visto não é lembrado", que é como quem diz é esquecido, e esquecido é como perdido e achar uma coisa perdida não é roubar nada a ninguém.

 

«Comunistas roubaram a nossa bandeira», diz papa Francisco

 

[Imagem]

 

 

 

 

 

 

||| A moção H de Nuno Lobo ao congresso do CDS

por josé simões, em 12.01.14

 

 

 

«Papa baptiza filho de mãe solteira e filha de casal casado pelo civil»

 

[Imagem de autor desconhecido]