Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

DER TERRORIST

"Podem ainda não estar a ver as coisas à superficie, mas por baixo já está tudo a arder" - Y. B. Mangunwijaya, escritor indonésio, 16 de Julho de 1998.

Se isto faz algum sentido, se não andam todos à nora...

por josé simões, em 12.07.16

 

burro-nora.jpg

 

 

Um dos princípios do Estado de direito democrático é do da irretroactividade das leis, já o da punição preventiva, e por antecipação ao que o futuro nos reserva, parece ficar ao critério de quem lhe apetecer e ao sabor das circunstâncias, que até podem riscar, de uma assentada, a máxima da direita radical-liberal que é o aumento dos impostos sobre as empresas ser inimigo da captação de investimento, contrário ao desenvolvimento económico e à criação de riqueza [não interessa para o bolso de quem].


Se isto faz algum sentido, se não andam todos à nora...


[Imagem de autor desconhecido]

 

 

 

 

||| A Jangada de Pedra

por josé simões, em 20.02.15

 

Kevin Dowd.jpg

 

 

Vergonha de ser português.


[Imagem]

 

 

 

 

||| Mais do mesmo

por josé simões, em 24.03.14

 

 

 

BES suspeito de branqueamento de dinheiro do ditador chileno Pinochet via BES Miami;

 

Empresa financeira do Grupo BES suspeita de transferências clandestinas e ilegais para os cofres do CDS e dirigentes financeiros daquele partido;

 

BES Brasil usado como banco para pagamentos da compra de votos no caso "Mensalão";

 

BES sob suspeita de participação na fraude fiscal perpetrada com empresas fictícias e contas offshore naquela que ficou conhecida como "Operação Furacão";

 

Em Espanha o juiz Baltasar Garzón pede autorização para poder investigar contas do BES sediadas no off-shore da Madeira;

 

Presidente do BES Angola constituído arguido em caso de corrupção;

Dirigentes e administradores do BES suspeitos de acesso a informação privilegiada nas privatizações;

 

Ricardo Salgado esqueceu-se de declarar 8,5 milhões de euros ao fisco;

Isto assim de repente e só de memória.

 

Reza a lenda que a família foi espoliada de tudo a seguir à revolução de Abril, durante o PREC, e teve de fugir com uma mão à frente e outra atrás, na miséria. Seja.

Mas voltou, meia dúzia de anos volvidos, com tudo e como se nada tivesse acontecido. Seja também.

 

Como, o milagre, não reza nem explica a lenda.

 

«BES multado em mais de um milhão de euros por infracções "muito graves" em Espanha»

 

[Imagem de Steve Lambert]