Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

DER TERRORIST

"Podem ainda não estar a ver as coisas à superficie, mas por baixo já está tudo a arder" - Y. B. Mangunwijaya, escritor indonésio, 16 de Julho de 1998.

|| A cabala, a campanha negra, a difamação, a perseguição, o assassinato político

por josé simões, em 20.04.12

 

 

 

Quase um ano depois, e confortavelmente sentado em cima de 23. 7% dos votos, o PS continua sem perceber nada de nada do que lhe aconteceu.

 

«[…] acho que é mau que alguém que tenha estado até há muito pouco tempo no Governo, portanto, uma actividade política, agora vá ou possa vir a ser juiz no Tribunal Constitucional.»

 

[Imagem]

 

 

 

 

 

 

 

|| O Provedor é do Povo não é de Moscovo!

por josé simões, em 29.05.09

 

As contas são fáceis de fazer: eram necessários 147 votos e Jorge Miranda arrecadou 129, como só o Bloco de Esquerda «deu indicação de voto em Jorge Miranda, enquanto o PCP recomendou o voto em branco», e como brancos foram 21 os votos contabilizados…

 

E já que “eles” não se entendem não vai ser por “nossa” causa que vai haver provedor, era o que mais faltava! E uma vez que ou o provedor é comunista ou não há provedor, não se pode seguir o exemplo do Querido Líder norte-coreano e a coisa passar a ser hereditária para ver se saímos de uma vez por todas desta embrulhada?

 

Saudosos tempos do slogan “Por Uma Maioria de Esquerda”.

 

Post-Scriptum: Penso ser chegada a hora de equacionar se a nomeação dos provedores não deveria ser competência da Presidência da República.

 

(Na imagem Lenin on Roller Blades by Bansky)