Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

DER TERRORIST

"Podem ainda não estar a ver as coisas à superficie, mas por baixo já está tudo a arder" - Y. B. Mangunwijaya, escritor indonésio, 16 de Julho de 1998.

"O Judeu Internacional", Capítulo II

por josé simões, em 15.02.21

 

burqa__.jpg

 

 

Faixa de Gaza (em árabe: قطاع غزة Qiṭāʿ Ġazzah, IPA: [qɪˈtˤɑːʕ ˈɣazza]) é um território palestino[1][2][3][4] composto por uma estreita faixa de terra localizada na costa oriental do Mar Mediterrâneo, no Oriente Médio, que faz fronteira com o Egito no sudoeste (11 km) e com Israel no leste e no norte (51 km).

 

Independentemente da filha da putice que é bloquear a entrada de vacinas Covid onde quer que seja, a pergunta devia ser: porque é que o Egipto, onde os homens usam trapos na cabeça, barbas compridas, tratam mal as mulheres e os homossexuais, professam a mesma religião, o respeito pela diversidade, pluralismo, direitos humanos e multipartidarismo é o mesmo, do Hamas, não permite a entrada das vacinas em Gaza?

 

Covid-19. Israel bloqueia entrada das primeiras vacinas na Faixa de Gaza

 

[imagem de autor desconhecido]

 

O Judeu Internacional, Capítulo I

 

 

 

 

Sign O' The Times, CXXXVI

por josé simões, em 09.02.21

 

x.jpg

 

 

"Rosa è il nostro messaggio" - dice a Repubblica Yaniv Segal, tra i protagonisti dell'ondata che colora la piazza - "Siamo la generazione del futuro, vogliamo parlare in termini positivi, di solidarietà, accettazione del diverso".

 

Bandiere rosa contro Netanyahu in Israele. In piazza nasce un nuovo partito.

 

Sign O' The Times, Capítulo CXXXV

 

 

 

 

"O Judeu Internacional"

por josé simões, em 07.02.21

 

 

 

Os judeus , como dominam a finança mundial, compraram e têm as vacinas que quiseram. É uma espécie de vingança histórica. E mais não digo antes que os bulldogs sionistas saltem.

 

Rodrigo Sousa e Castro, militar de Abril e porta voz do Conselho da Revolução, no Twitter.

 

[Título do post]

 

 

 

 

Por falar em comemorações do 25 de Abril e do 1 de Maio...

por josé simões, em 20.04.20

 

manif telaviv covid.jpg

 

 

Manifestação em Tel Aviv de protesto contra o governo de Benjamin Netanyahu em tempos de distanciamento social. Ecrã inteiro aqui.

 

[Tomer Appelbaum Vaknin, fotojornalista do Haaretz]

 

 

 

 

#FicaEmCasaCaralho, III

por josé simões, em 24.03.20

 

israel ikea.jpg

 

 

               A contribuição do IKEA Israel para a campanha #StayHome

 

#FicaEmCasaCaralho, Capítulo II

 

 

 

 

Antisemitism my ass!

por josé simões, em 30.04.19

 

cartoon antonio.jpg

 

 

[Imagem]

 

 

 

 

In Memoriam

por josé simões, em 25.03.19

 

Rafi Eitan.jpg

 

 

Rafi Eitan

 

1926 - 2019

 

 

 

 

In Memoriam

por josé simões, em 28.12.18

 

amos oz.jpg

 

 

Amos Oz

 

1939 - 2018

 

 

 

 

Israel

por josé simões, em 14.05.18

 

 

 

 

 

Da indigência intelectual

por josé simões, em 10.05.18

 

Laurie Simmons.jpg

 

 

O Bloco de Esquerda dá voz à campanha "ZERO PONTOS para Israel na competição musical da Eurovisão" a propósito da "ocupação" da Palestina, blah-blah-blah, uma canção sobre sobre emancipação feminina e justiça social que mais não é do que uma "contínua tentativa israelita de branquear a opressão do povo palestiniano através de uma campanha de marketing de políticas 'de igualdade'", blah-blah-blah, como se o Estado israelita tivesse alguma coisa a ver com as escolhas das canções a apresentar a concurso, tipo vocês mandaram o Sobral a Kiev para passar uma imagem de Portugal... esqueçam.

De Israel o único país em toda a região onde as mulheres estão em pé de igualdade com os homens em todos os direitos e deveres ou, por exemplo, onde os homossexuais estão em pé de igualdade com os hetero - casamento, forças armadas, segurança social, o direito à herança e adopção de crianças, tudo bandeiras do Bloco de Esquerda aqui e se calhar também ali, na Palestina e em Gaza.

 

A seguir o Bloco de Esquerda vai lançar uma campanha pela participação da Palestina e Gaza na Festival Eurovisão em pé de igualdade com os outros Estados. Já estamos a ver a Furtado, a Cautela, a Ruah, a Alberto: "E agora, em representação da Palestina e da Hammas Television, Mahmoud Allahu Akbar com a canção "Vou-me explodir ali na esquina"".

 

[Imagem]

 

 

 

 

Da série "Coisas Verdadeiramente Surpreendentes"

por josé simões, em 03.05.18

 

Adriano.jpg

 

 

Diz que a ONU e o "Ocidente", o que quer que isso signifique, descobriram que por detrás da gravata que Mahmmoud Abbas, o Presidente da Autoridade Palestiniana, tem pendurada ao pescoço para não ser misturado com os radicais da religião que professa, há um anti-semita. A seguir a ONU e o "Ocidente" vão descobrir que antes a Palestina se chamava Judeia.

 

[Imagem]

 

 

 

 

Um fim-de-semana em beleza

por josé simões, em 16.07.17

 

no surfing.jpg

 

 

   - Aquilo é o Monte do Tempo, o local da "Pedra do Sacrifício", o Templo de David e Salomão, de Salomão o Rei dos Judeus, os judeus do judaísmo, a religião monoteísta mais antiga do mundo, e aparece um imbecil com a cabeça enrolada em trapos e com tempo de antena global nas televisões de todo o mundo a falar em "potência ocupante".

 

   - Pedro Passos Coelho, que foi a Pedrógão Grande ainda o fumo saía das brasas do incêndio e que logo aproveitou a tournée para anunciar urbi et orbi o suicídio de cidadãos anónimos movidos pelo desespero e pelo abandono a que foram votados pelo Governo socialista, vem agora bramar para as televisões contra o "aproveitamento político" e o indecoro que é a presença na região dos ministros do Governo socialista no exercício da função para a qual foram investidos, serem ministros e resolverem os problemas das pessoas.

 

Um fim-de-semana em beleza.

 

[Imagem]

 

 

 

 

The Fundamentalist Tour 2017

por josé simões, em 23.05.17

 

TRUMP-SCOTT-SCHEIDLY.jpg

 

 

Arábia Saudita - Israel - Vaticano. Mandava Donal Trump fazer t-shirts, bonés, badges com a inscrição "The Fundamentalist Tour 2017", as t-shirts com os locais e as datas impressas nas costas, e ganhava uma pipa de massa em merchandising.

 

[Imagem]

 

 

 

 

A capa da Time Out Telavive explica porque é que Israel é um alvo a abater na região

por josé simões, em 13.02.17

 

A capa da Time Out Tel Aviv explica porque é que

 

 

 

 

 

In Memoriam

por josé simões, em 28.09.16

 

שמעון פרס.jpg

 

 

Shimon Peres


1923 – 2016


[Imagem]