Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

DER TERRORIST

"Podem ainda não estar a ver as coisas à superficie, mas por baixo já está tudo a arder" - Y. B. Mangunwijaya, escritor indonésio, 16 de Julho de 1998.

Fim-de-semana

por josé simões, em 25.09.16

 

You Are What You Is ~  Frank Zappa.jpg

 

 

Este fim-de-semana foi assim.


You Are What You Is ~ Frank Zappa


[7" vinyl]

 

 

 

 

Guardar

Guardar

||| Great googly moogly! [*]

por josé simões, em 04.12.13

 

 

 

Foi hoje. The mystery man came over…

 

[*]

 

 

 

 

 

 

Do Fundo Do Coração (II)

por josé simões, em 27.02.08
                                               The Mystery Man came over
                                               An' he said: "I'm outa-site!"
                                               He said, for a nominal service charge,
                                               I could reach nervonna t'nite
                                               If I was ready, willing 'n able
                                               To pay him his regular fee
                                               He would drop all the rest of his pressing
                                               affairs
                                               And devote His Attention to me
                                               But I said . . .
                                               Look here brother,
                                               Who you jivin' with that Cosmik Debris?
                                               (Now who you jivin' with that Cosmik
                                               Debris?)
                                               Look here brother,
                                               Don't you waste your time on me
 
 
 Frank Zappa - Cosmic Debris
 
 
 

We're Only in It for the Money

por josé simões, em 25.10.07

 

Em Janeiro de 1968 o genial Frank Zappa na companhia dos Mothers of Invention editou um álbum com o sugestivo nome We're Only in It for the Money.
(A propósito, tenho de ir vasculhar nos baús para ver se encontro o vinyl).
 
Vá-se lá saber porquê, lembrei-me do nome do disco depois de ler nos jornais que Luís Montenegro, vice-presidente da bancada parlamentar do PSD reclamou na comissão de Assuntos Constitucionais sobre o novo formato das comissões parlamentares, agora que passam a haver efectivos e suplentes. Em causa está o pagamento de ajudas de custo no valor de 60 euros por dia, a somar a outro valor que visa cobrir as deslocações, consoante os quilómetros efectuados. O que Luís Montenegro reclama é que seja atribuído a todos, efectivos e suplentes. Trabalhem ou não. É a chamada cultura da responsabilidade e do mérito.
 
Adenda: Esta notícia também é interessante: “A despesa pública com as subvenções vitalícias dos titulares de cargos políticos irá ultrapassar os oito milhões de euros em 2008.”
 
Adenda à adenda: E esta outra e respectivos comentários também.