Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

DER TERRORIST

"Podem ainda não estar a ver as coisas à superficie, mas por baixo já está tudo a arder" - Y. B. Mangunwijaya, escritor indonésio, 16 de Julho de 1998.

"the ‘de-nazification’ of Ukraine govt"

por josé simões, em 28.02.22

 

Aleksandr Dugin.jpg

 

 

Esta sequência de 22 tweets por Toby Venables, traduzidas com recurso ao tradutor do Twitter para melhor compreensão dos menos fluentes em inglês:

 

     - Todos nós já vimos as referências bizarras de Putin à 'desnazificação' do governo da Ucrânia. Há lguns dias, em resposta, eu twittei 'A desnazificação começa em casa'. Mas isso não era apenas uma retórica vazia de 'o mesmo de volta'. É hora de falarmos sobre o conselheiro de Putin, Aleksandr Dugin.

 

     - Este é Dugin [foto]. Ele foi chamado de 'Rasputin de Putin', e não apenas por causa da barba. Ele escreveu a cartilha literal que moldou a política externa de Putin. Em essência, é o Mein Kampf de Putin; tudo exposto anos antes em preto e branco para todos verem.

 

     - Primeiro, um pouco sobre o próprio Dugin. Além de aconselhar os membros da Duma e Putin, foi membro fundador do Partido Nacional Bolchevique, da Frente Nacional Bolchevique e do Partido da Eurásia.

 

Partido Nacional Bolchevique.jpg

 

     - Este é o símbolo do Partido Nacional Bolchevique. O seu slogan é: 'A Rússia é tudo, o resto não é nada!'

 

National Bolshevism.jpg

 

     - E este é o símbolo do Nacional Bolchevismo, desenhado pelo próprio Dugin. Os pontos de referência são claros. Nos seus escritos ele expressou admiração pela Waffen SS e diz que procura estabelecer um "fascismo fascista radicalmente revolucionário e consistente" na Rússia.

 

     - Ele acredita que a internet deveria ser banida e disse que a química e a física são ciências demoníacas.

 

     - Dugin também fundou a Eurásia Youth Union, que realizou actos de vandalismo em monumentos nacionais ucranianos. Tanto o movimento quanto o próprio Dugin foram banidos da Ucrânia.

 

     - Se o termo 'Eurásia' soa familiar, talvez seja porque o encontrará em 1984, de Orwell. Para Dugin, no entanto, esse romance distópico não é um aviso - é um modelo a ser aspirado.

 

     - Não surpreendentemente para um velho filósofo soviético, talvez, Dugin seja anticapitalista. Ele também é antiliberal, antidemocrático, pró-ditadura. Para ele, Stalin, não Lenin, é o grande herói ideológico.

 

     - Como Putin, ele acredita que a dissolução da União Soviética foi um desastre. Através dos seus escritos ele propõe o restabelecimento do império da era soviética, e além - "Grande Rússia" - pela força.

 

     - Em 2008, quando Putin invadiu a Geórgia (usando estratégia política e militar quase idêntica à que estamos vendo agora), Dugin o exortou a manter o impulso atacando a Ucrânia.

 

     - Dugin também é um herói e uma inspiração para a extrema-direita ocidental. Os supremacistas brancos e líderes da alt-right em Charlottesville idolatram-no.

 

     - Em 2008, ele conheceu e conversou com o conselheiro de Trump e activista de extrema-direita Steve Bannon. Se já se interrogou por que Trump foi brando com Putin, não se pergunte mais.

 

     - Dugin escreveu mais de 30 livros, mas de longe o mais significativo é Foundations of Geopolitics de 1997. Tem sido usado pela Academia do Estado-Maior do exército russo. Também foi recomendado que seja ensinado nas escolas russas.

 

     - Fundamentos da Geopolítica estabelece objectivos muito específicos para estabelecer a “Grande Rússia”. Por exemplo, defende o corte político do Reino Unido do resto da Europa. Isso foi alcançado. [Brexit]

 

- Defende a desestabilização do Ocidente por meio da desinformação e da subversão. Isso está em andamento há muito tempo sob a liderança de Putin.

 

     - Defende o uso da dependência do Ocidente do petróleo e do gás russos para exercer pressão. Esta tem sido uma preocupação há anos e, sem dúvida, está dificultando as sanções.

 

     - Defende que a Ucrânia deve ser anexada e todos os vestígios de identidade nacional apagados. Isso está sendo tentado agora.

 

     - Não termina aí. Dugin defende trazer a maior parte da Europa para a Rússia de alguma maneira, incluindo não apenas candidatos óbvios como Ucrânia, Letónia, Lituânia e Estónia, mas também Finlândia, Roménia, Macedónia do Norte, Sérvia, "Bósnia Sérvia" e Grécia.

 

     - Há uma citação muitas vezes (erroneamente) atribuída a Goebbels: 'Acuse o outro lado daquilo de que você é culpado'. É, no entanto, uma táctica comum dentro da extrema-direita - uma usada repetidas vezes por Trump ('Notícias falsas!').

 

     - Também explica todas as acusações de Putin em relação à Ucrânia - neonazismo, ameaças à segurança, subversão, suposto expansionismo... Tudo isso descreve com precisão as próprias acções e motivações de Putin.

 

     - E o que tudo isso deixa claro é que, se não for impedido, Putin não vai parar na Ucrânia, assim como Hitler não parou na Áustria, na Checoslováquia ou na Polónia.

 

[Via]

 

 

 

 

Continuar a não ver o que está mesmo à frente dos olhos

por josé simões, em 15.02.22

 

Sem Título.png

 

 

Vox exige derogar las leyes de violencia de género y memoria histórica en Castilla y León

 

[Link na imagem]

 

 

 

 

Um vice presidente no Parlamento

por josé simões, em 09.02.22

 

Sem Título.png

 

 

              Significado do 14/ 88 no cartaz.

 

[Link na imagem]

 

 

 

 

O padrão

por josé simões, em 01.12.21

 

ventas.jpg

 

 

 

 

47 anos depois do 25 de Abril

por josé simões, em 28.11.21

 

 

 

 

 

Quando é o Presidente a legitimar

por josé simões, em 09.11.21

 

9-november-1938-reichskristallnacht.jpg

 

 

Por uma daquelas ironias do destino a data em que se assinala a Kristallnacht/ Noite dos Cristais calhou ser a data da prisão do neo-nazi Mário Machado, inicialmente noticiada pelos media como a "detenção de um activista nacionalista" e só corrigida depois da revolta e indignação que gerou nas "redes" por quem tem memória, e é também o dia em que o Presidente da República resolve assinalar o Dia Internacional Contra o Fascismo e o Antissemitismo com um apelo a "pontes em vez de trincheiras", ao invés de fazer pedagogia e explicar que a irracionalidade de quem se entrincheira, o discurso do ódio combate-se com todas as forças, contra o risco de o legitimarmos, não há diálogo possível.

 

[Link na imagem]

 

 

 

 

Observatório do fascismo

por josé simões, em 31.10.21

 

Primo_de_Rivera.jpg

 

 

"O novo agente parasitário, o jornalista, qual tumor maligno aniquilou a ideia fundadora do contrato social ao ter corrompido gravemente as relações entre o poder e o povo. Não restam dúvidas sobre quem anda a matar os fundamentos da moral social, democracia, funcionalidade das instituições, justiça social, vitalidade das economias, salvaguarda da multiplicidade de identidades sociais e nacionais do mundo ocidental."

 

O tumor maligno da democracia por Gabriel Mithá Ribeiro, vice-presidente do Chega

 

[Link na imagem]

 

 

 

 

Resist

por josé simões, em 23.08.21

 

Members of the far-right Proud Boys clash with cou

 

 

Members of the far-right Proud Boys clash with counter-protesters during rival rallies in Portland, Oregon. Reuters/ David Ryder.

 

[Link na imagem]

 

 

 

 

O circo nunca acaba...

por josé simões, em 13.07.21

 

Sem Título.jpg

 

 

O circo nunca acaba...

 

 

 

 

Der Untermensch

por josé simões, em 03.07.21

 

Der_Untermensch.jpg

 

 

O partido deve defender não só a identificação das comunidades subsidiodependentes, onde estão localizadas, qual é a prevalência da subsidiodependência, qual é o nível de subsidiodependência, porque na verdade somos todos nós que estamos a pagar isso, como deve ter uma espécie de cadastro ou de identificação étnica ou racial

 

[Link na imagem]

 

 

 

 

Eles andam aí...

por josé simões, em 07.06.21

 

Francesca Rizzi Mário Machado.jpg

 

 

«Carabinieri seized photographs of Hitler, swastikas and a book listing Jewish surnames during coordinated raids on Monday on the homes of 12 alleged members of the Roman Aryan Order, a Nazi-inspired white supremacist group. One of the accused was voted the winner of an online Miss Hitler beauty pageant in 2019, calling herself Miss Eva Braun.

 

The investigation began in 2019, as part of a wider probe into white supremacist and far-right movements. Police said in a statement that this group was “dedicated to publishing racist and discriminatory, Nazi-inspired, anti-Semitic and Holocaust-denying content, videos and images on social media.»

 

Italian neo-Nazis were plotting to bomb NATO base, police say

Carabinieri raided the homes of 12 alleged members of an extremist group on Monday.

 

Entre os acusados está Francesca Rizzi [na imagem], candidata ao título Miss Hitler e convidada de Mário Machado na convenção de neo-nazis que se realizou em Lisboa em Agosto de 2019, o mesmo Mário Machado que, um ano depois no seu canal Youtube, apelava aos camaradas para se mudarem descansados de armas e bagagem para as fileiras do Chaga pois nunca revelaria a sua proveniência.

 

 

 

 

Engana quem quiser ser engando

por josé simões, em 26.05.21

 

3.jpg

2.jpg

1.jpg

 

 

Uma corja saudosa de um tempo que não viveu - Portugal orgulhosamente só e ausência de qualquer liberdade que não a do regime suprimir a dos cidadãos, organiza um arraial debaixo da lona "Europa e Liberdade". Engana quem quiser ser enganado.

 

 

 

 

Os "bandidos" bons e os "bandidos" maus

por josé simões, em 25.05.21

 

luís amado.jpg

 

 

Circulam pelas redes os memes do Ilusão Liberal com os ministros de Guterres que transitaram para o Governo de Sócrates para depois transitarem para o Governo de António Costa, uma corja, prontamente papagueados pelos comentadeiros-cartilheiros de serviço nas televisões, antes do fenómeno "redes sociais" denominados opinion makers, e depois citados sem citação pelos pivôs em todas as televisões: a escumalha socialista que meteu o país no buraco, bandidos. Todos. Todos menos um, o bonzo Luís Amado, para todos os efeitos e para o efeito reunião da extrema-direita - Movimento Europa e Liberdade, como "militante socialista". Caído do céu. Sem cadastro. Ainda não há muito tempo a isto chamava-se "idiota útil".

 

[Imagem de autor desconhecido]

 

 

 

 

Só por manifesta ignorância o congresso não tem lugar em Braga

por josé simões, em 21.05.21

 

Sem Título.jpg

 

 

Só por manifesta ignorância, aliás expressa na forma como dirigentes, militantes e minions anónimos escrevem nas caixas de comentários e nas redes, com erros de concordância, gramaticais, pejados de bengalas linguísticas, o congresso não tem lugar em Braga, porque por vergonha na cara não é, de certeza.

 

"teria graça" Ventura conseguir que "os trabalhos parlamentares fossem suspensos precisamente no dia de aniversário do 28 de maio de 1926", dia do golpe de Estado que resultou na queda da Primeira República Portuguesa e na instauração da Ditadura Militar, dando origem, mais tarde, ao Estado Novo, regime vigente no país até ao 25 de abril de 1974.

 

[Link na imagem]

 

 

 

 

Os normalizadores do fascismo, II

por josé simões, em 30.04.21

 

miguel pinto luz tvi.jpg

 

 

Miguel Pinto Luz, ex-candidato à liderança do PSD, vice-presidente da Câmara de Cascais. E não é um matarruano qualquer.

 

Os normalizadores do fascismo, Capítulo I