Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

DER TERRORIST

"Podem ainda não estar a ver as coisas à superficie, mas por baixo já está tudo a arder" - Y. B. Mangunwijaya, escritor indonésio, 16 de Julho de 1998.

Report: Disinformation during Portugal’s 2019 Elections

por josé simões, em 26.11.19

 

On Monday, March 3, Alamo Drafthouse Kalamazoo takes you back to the the early 1950s, when 3D movies were still a hot novelty.jpg

 

 

During this period, two Facebook pages – Direita Política and Mário Gonçalves – stood out as the most influential in spreading disinformative content. Among the public Facebook groups monitored, the group Grupo de Apoio ao Juiz Carlos Alexandre was by far the most influential.

 

[Imagem]

 

 

 

 

Aquele programa do Ricardo Araújo Pereira, o Gente Que Não Sabe Estar

por josé simões, em 27.05.19

 

maria vieira facebook.jpg

 

 

[Maria Vieira no Facebook, via]

 

 

 

 

Da série "Grandes Primeiras Páginas"

por josé simões, em 27.02.19

 

mother jones.jpg

 

 

A capa da Mother Jones

 

 

 

 

A licença do isqueiro reloaded

por josé simões, em 06.02.19

 

licença isqueiro.jpg

 

 

Bloco de Esquerda defende a criação de um imposto sobre os gigantes da economia digital, como a Google ou o Facebook. Objetivo é taxar "determinados serviços digitais".

 

[Imagem]

 

 

 

 

A nova verdade

por josé simões, em 01.01.19

 

 

 

Manifestantes gritam "Wathsapp! Wathsapp! Facebook! Facebook!" em apoio a Jair Bolsonaro na tomada de posse como presidente do Brasil.

 

[Via]

 

 

 

 

Da série "Grandes Primeiras Páginas"

por josé simões, em 11.04.18

 

Bloomberg Businessweek.jpg

 

 

A capa da Bloomberg Businessweek

 

 

 

 

Fascism Conquers The Internet

por josé simões, em 15.03.18

 

Sem Título (1).png

 

Clicar na imagem

 

 

[Daqui]

 

 

 

 

 

E parar para pensar?

por josé simões, em 01.03.18

 

FB.jpg

 

 

Porque é que as pessoas se sujeitam a estas coisas? Dito de outra maneira, o que eram as pessoas antes do Facebook e o que era o Facebook sem as pessoas? E parar para pensar [fora do algoritmo]?

 

Facebook censura escultura com 30 mil anos por ser "pornográfica"

 

 

 

 

A origem do mundo

por josé simões, em 06.02.18

 

facebook-on-trial-courbet-origin-of-the-world-paitning.jpg

 

 

The origin of the world – The work of Gustave Courbet and modern censorship

 

 

 

 

Os adeptos do futebol são todos uma cambada de imbecis?

por josé simões, em 17.05.17

 

this_ends_here David Lyle.jpg

 

 

O personagem que nestes últimos anos deliberada, voluntaria e metodicamente nestes melhor encarnou ["enverdou", para o caso] o que de mais perverso o Facebook tem, abandona a espelunca a lastimar-se da perversidade das "redes sociais".

 

O personagem que quando acordava de manhã o primeiro pensamento que lhe ocorria era "ora vamos lá ver como é que hoje vou chatear o meu vizinho do lado..." abandona a espelunca a pedir que o deixem em paz.

 

O personagem que todos os dias ultrapassava fronteiras com opiniões despropositadas sobre tudo o que respirava e intromissões na vida do vizinho do lado, abandona o espelunca cabisbaixo e chateado por ser alvo de opiniões despropositadas e vítima de intromissões na vida pessoal.

 

Os adeptos do futebol são todos uma cambada de imbecis?

 

[Imagem]

 

Adenda: Como alguém escreveu na outra rede, a que não teve o prazer de receber as iluminadas e eruditas dissertações do presidente do Sporting CP, Bruno de Carvalho abandona o Facebook na mesma altura em que as pessoas deixam de assinar a Sport TV.

 

 

 

 

 

Tempos modernos

por josé simões, em 13.03.17

 

25 Lessons in Hypnotism, 1935.jpg

 

 

O aparecimento da memória na política, ler: a internet, o Facebook e o Twitter, revelou-se um problema para os partidos do parlapiê sem mestre, mestres na arte do hipnotismo e da "malabarice", o  PSD [especificamente Pedro Passos Coelho] e o CDS.

 

 

 

 

 

Os agarrados

por josé simões, em 10.09.16

 

guardian.jpg

 

 

daily_telegraph.jpg

 

 

ft_uk.jpg

 

 

Quando 3 – três – 3 jornais, três referências do jornalismo escrito e da imprensa mundial, vêm os três no mesmo dia fazer primeira página com um acto de censura do big brother Facebook à icónica foto "A Menina do Napalm" - o apocalypse now tal e qual ele foi e que Copolla havia de passar para o grande ecrã e que valeu um Prémio Pulitzer ao foto jornalista Huynh Cong Ut, diz muito do nonsense que é a sociedade rede social globalizada neste início do séc. XXI, quando tudo se podia resolver com um simples acto de desprezo pelo login e um puro e simples deixar de frequentar aquele café virtual. Mas vá-se lá dizer isto à turba de arrumadores [virtuais de fotos e comentários] agarrados ao pó net.

 

 

 

 

 

 

Guardar

||| Como diz o outro, uma democracia avançada para o século XXI

por josé simões, em 13.05.15

 

 

 

«Por estas e por outras é que eu tenho licença de uso e porte… nunca posso ter armas porque em dias como estes iam Claras Ferreiras Alves, Sousas Tavares, e no Rato só ficava a porteira…»


«…não se esqueçam que o PS vai para o Governo e aí é q vamos ver…Estão ansiosos por nos pôr a pata no pescoço…Daí que quem estiver na ASJP e no SMMP tem de ter a força suficiente para os bloquear. Em altura de eleições isto também é uma coisa para nos fazer pensar.»


«Joana Marques Vidal defende procuradores que fizeram troça da prisão de Sócrates


Procuradora-geral diz que comentários de um grupo de magistrados no Facebook são exercício de "liberdade de expressão". Mas votou vencida.»

 

 

«Sofia Fava ficou furiosa com o facto de Joana Marques Vidal ter defendido magistrados do MP que produziram comentários jocosos sobre Sócrates. E usou o Facebook para atirar impropérios à PGR.


Por volta das 22:45, a ex-mulher de Sócrates escreveu um outro texto: "Reconheço que me excedi e que não queria, em boa razão, que tal acontecesse, pelo que, mesmo nunca tendo querido que o meu post saísse do âmbito de uma abordagem privada, como deveria ter acontecido, penitencio- me publicamente."


Por difamar publicamente uma procuradora, Sofia Fava arrisca nove meses de prisão.»


[Imagem]

 

 

 

 

25 de Abril sempre, Facebook nunca mais

por josé simões, em 06.10.14

 

 

 

«Facebook has become a dream space of judgment—a place where people you may know only in the most casual way suddenly reveal themselves to be players in a pervasive system of discipline.»


Social Reich

 

 

 

 

||| "É preciso ajudar o senhor Presidente da República a terminar o seu mandato com dignidade"

por josé simões, em 14.05.14