Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

DER TERRORIST

"Podem ainda não estar a ver as coisas à superficie, mas por baixo já está tudo a arder" - Y. B. Mangunwijaya, escritor indonésio, 16 de Julho de 1998.

||| "E depois do barco virado grandes urros e gritos na salvação dos aflitos"

por josé simões, em 07.05.14

 

 

 

Uma alegoria: na proa duma embarcação, que faz mais ondas ao deslocar-se do que as ondas elas próprias, à distância comandada por outrem, na segurança de um carril e com a segurança de um guarda-costas. Já não é 1640 no Terreiro do Paço, é Diogo Cão no Cabo da Cruz em 1485. É o Buffalo Bill's Wild West Circus assim alguém se lembre de recuperar a memória de Geraldo 'Sem Pavor' Geraldes.

 

 "Aquilo é uma tempestade medonha, aquilo vai p'ra lá do que é eterno, aquilo era o retrato do inferno, vai ao fundo, vai ao fundo, e vai ao fundo sim senhor"

 

 

 

 

 

 

|| Além da Taprobana

por josé simões, em 09.12.12

 

 

 

Como o povéu se pela todo por uma boa história de príncipes e princesas, encantadas com a sucessão do trono e a continuação da linhagem no ventre, ainda para mais com um tracinho de tragédia à mistura - a plebeia morta pelo pundonor da sua “traição” à coroa do império onde o sol nunca se põe, os jornais fizeram-lhe a vontade. Lá e cá.

 

Lá é o que todos sabemos, cá ninguém passou a ponta de um corno ao pormaior da australiana de ascendência indiana a trabalhar na Grã-Bretanha e de nome Jacintha Saldanha, casada com um também indiano de apelido Barboza. Very british names. Very indian names. Indeed.

 

[O Ferreira Fernandes é que podia ter escrito sobre isto, assim foi o que se pôde arranjar.]

 

[Imagem]