Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

DER TERRORIST

"Podem ainda não estar a ver as coisas à superficie, mas por baixo já está tudo a arder" - Y. B. Mangunwijaya, escritor indonésio, 16 de Julho de 1998.

|| O Parlamento Europeu contra o Povo

por josé simões, em 09.03.13

 

 

 

O padrão mantêm-se mas assiste-se a uma passagem de nível no "jogo". Onde antes se lia "defesa da família, da moral e dos bons costumes", tudo arrumadinho dentro da sacola dos valores da[s] igreja[s] e da[s] religões, lê-se agora "eliminar estereótipos, igualdade de género, condição femininina, exploração da mulher"[como se o porno fosse só mulheres no ecran...], com o argumento da modernidade e da vanguarda europeia, farol que ilumina o mundo. Os censores puritanos, esses, continuam a ser exactamente os mesmos.

 

Tudo o que realmente importa, tudo o que vai a jogo, está explicadinho, tintim por tintim, no clip retirado do The People vs. Larry Flint de Milos Forman. O resto é conversa de quem lhe sobra tempo para ter boas intenções que vão continuar a encher o Inferno.

 

«Parlamento Europeu vota proibição de pornografia»