Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

DER TERRORIST

"Podem ainda não estar a ver as coisas à superficie, mas por baixo já está tudo a arder" - Y. B. Mangunwijaya, escritor indonésio, 16 de Julho de 1998.

||| Antecipar os lucros aos bancos [II]

por josé simões, em 28.11.13

 

 

 

Além de antecipar os lucros aos bancos empurra o problema com a barriga, lá mais para a frente, quem vier que se desenmerde, o célebre "a herança que deixamos às gerações futuras", martelado ad nauseam de cada vez que a conversa não lhes convém e de cada vez que avistam um microfone e uma câmara de televisão. Para quem não sabia, ou ainda tinha alguma dúvida, para quem governa quem governa o dinheiro do contribuinte. "embora os efeitos se compensem, o impacto líquido no saldo das administrações públicas para efeitos dos défices excessivos deverá ser favorável até 2018 e desfavorável entre 2019 e 2030. «Ou seja, durante estes 12 anos, a recompensa obtida com o fecho de operações do IGCP não chegará para mitigar as perdas incorridas com os swaps das empresas públicas reclassificadas".

 

[Imagem]

 

 

 

 

 

 

||| Antecipar os lucros aos bancos

por josé simões, em 27.11.13

 

 

 

Entre poupar 1463 milhões de euros do dinheiro dos contribuintes e antecipar o pagamento de 1008 milhões de euros aos bancos o Governo optou pela segunda e diz que poupou 500 milhões. Para quem não sabia, ou ainda tinha alguma dúvida, para quem governa quem governa o dinheiro do contribuinte. «E, por isso, não se sabe qual foi a poupança efectiva conseguida com a liquidação antecipada de swaps. Ou sequer se existe uma poupança.»

 

[Imagem]