Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

DER TERRORIST

"Podem ainda não estar a ver as coisas à superficie, mas por baixo já está tudo a arder" - Y. B. Mangunwijaya, escritor indonésio, 16 de Julho de 1998.

"o absurdo de uma interpretação literal da lei”

por josé simões, em 31.07.19

 

 

 

Pelo poder legislativo, eleito em listas de partidos políticos em eleições livres e democráticas, "o absurdo de uma interpretação literal da lei”, elaborada para dar alguma transparência e pôr um travão ao absurdo dos negócios, e do fartar vilanagem nas negociatas, dos actores e protagonistas políticos a expensas dos contribuintes e eleitores. Os portugueses gostam de ser gozados?

 

 

 

 

O ministro da Propaganda

por josé simões, em 12.07.18

 

Lin Yung Cheng.jpg

 

 

O ministro da Propaganda, que não aceita ultimatos dos parceiros parlamentares, que antes devem estar gratos por terem dado uma oportunidade ao PS minoritário de ser Governo, avisa os parceiros parlamentares, à laia de ultimato, que para que a coligação se repita o acordo deve incluir "política externa e europeia", não se sabe bem a que propósito, uma vez que é matéria que nunca foi óbice à actual coligação. A minoria absoluta vai ficar-vos tão bem.

 

[Imagem]

 

 

 

 

O Verdadeiro Artista

por josé simões, em 05.04.18

 

Vintage-Rare-Old-Circus-Clown.jpg

 

 

A inversão do ónus da prova em todo o seu esplendor. "Se a Rússia provar que não tem nenhuma responsabilidade seria óptimo". A gente vai fazer de conta que isto não foi dito.

 

[Imagem]

 

 

 

 

As coscuvilheiras

por josé simões, em 28.12.16

 

Eavesdropping.jpg

 

 

O que eu não ouvi foi as associações patronais e sindicais exigirem um pedido de desculpas à TVI por andar a escutar e publicar conversas privadas sem autorização expressa dos intervenientes. Amanhã calha-lhes a eles.


[Imagem de autor desconhecido]

 

 

 

 

Em pequenino não conta

por josé simões, em 04.08.16

 

Lego_Plane.jpg

 

 

[...] o Governo aprovará antes do fim de Setembro um Código de Conduta para governantes e altos responsáveis da administração pública que terá uma norma "taxativa" sobre a aceitação de ofertas.


[Imagem]

 

 

 

 

|| Em Verdade Vos Digo…

por josé simões, em 13.03.11

 

 

 

 

 

|| O Diabo está nos “peru menores”… (II)

por josé simões, em 06.10.10

 

 

 

No quase anagrama de PEC 3 o que menos importa é se, à imagem do submarino, também foi uma encomenda dos tempos de Paulo Portas. Já começa a ser encomenda a mais (ou desculpa a menos) para os tempos que correm. Daniel Cohn-Bendit explica no Parlamento Europeu (especial atenção a partir do minuto 04:50).

 

(Marcelo Mastroniani na imagem)

 

 

 

 

 

|| Vale a pena o “investimento” numa primeira página?

por josé simões, em 20.08.10

 

 

 

 

Mais um flop de investigação - e de primeira página -, a juntar ao extenso rol de material de colecção que vai do Apito Dourado à Face Oculta e já com espaço reservado para o Casa Pia que se avizinha.

Se a intenção era desacreditar a investigação e a Justiça, e fomentar o espírito de indiferença na população, parabéns.

 

 

 

 

 

|| Jornalismo isento e responsável, dizem eles

por josé simões, em 14.11.09

 

 

 

«Face Oculta: Santos Silva fala em 52 cassetes de quatro meses de escutas»

 

Meanwhile no Twitter…

 

Confirma-se: Santos Silva disse mesmo coisas sobre o processo "Face Oculta" que até agora ninguém sabia. Violação do segredo de justiça?

 

RT @HenriquMonteiro: Santos Silva disse mesmo coisas sobre o "Face Oculta" que até agora ninguém sabia. Violação do segredo de justiça?

 

@HenriquMonteiro foi a sic que falou nas 50 cassestes no dia 11 http://is.gd/4ULXa

 

Espero ter contribuido com a minha pesquisa no google para a serenidade neste caso tão interessante. O misterio das escutas!

 

Só é pena João Carlos Espada não estar também no Twitter para ficarmos com a Redacção completa…

 

 

 

Da Homofobia

por josé simões, em 19.02.09

 

«Uma campanha negra é acusar alguém que é candidato a primeiro-ministro (leia-se José Sócrates) de determinada tendência sexual (leia-se homossexual)».

Foi mais ou menos assim que Augusto Santos Silva começou por responder na entrevista a Judite de Sousa., e como exemplo do que é a homofobia melhor era impossível.

 

Passo a explicar. Eu, por exemplo, heterossexual e acérrimo defensor do “cada um mija com a sua e não se fala mais no assunto”, tanto se me dá como se me deu que me chamem homossexual, bicha, paneleiro, rabeta, “olha o gajo pega de empurrão” ou “a menina atraca de popa”; é para o lado que durmo melhor. Quando trato com alguém não estou a ver se é homem ou mulher, homo, hetero ou bi, branco, amarelo, preto ou azul às bolinhas cor-de-rosa. Estou a ver seres humanos com virtudes e defeitos. E depois há o nível intelectual num determinado padrão que é meu. Agora campanhas negras? Poupem-me.

 

É por causa destes pequenos “sinais” - podes dizer que "ando ao papelão", paneleiiro é que não pode ser nada - que desconfio da bondade da agenda fracturante.

 

(Imagem via La Repubblica)