Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

DER TERRORIST

"Podem ainda não estar a ver as coisas à superficie, mas por baixo já está tudo a arder" - Y. B. Mangunwijaya, escritor indonésio, 16 de Julho de 1998.

Um cartaz para a campanha eleitoral de Ana Gomes

por josé simões, em 08.09.20

 

Sem Título.jpg

 

 

O Ventas do Chaga no Twitter.

 

 

 

 

Da democracia interna no PS

por josé simões, em 19.05.20

 

Ryan Travis Christian.jpg

 

 

A direcção do PS considera inaceitáveis as críticas de Ana Gomes sobre a democracia interna no partido. Registe-se: a direcção do PS não acha inaceitável o secretário-geral do partido na pele de primeiro-ministro lançar, unilateralmente, a recandidatura de Marcelo Rebelo de Sousa numa fábrica alemã. Não. Inaceitáveis são as críticas de Ana Gomes. E fez questão de sair a terreiro para confirmar essas mesmas críticas.

 

[Imagem]

 

 

 

 

||| LOL. Está bem. Prontes. A gente acredita

por josé simões, em 07.02.15

 

Bahamas postcard.jpg

 

 

Suspiro de alívio por saber que a carta rogatória das Bahamas, não é a carta dos vinhos que Paulo Portas repetidamente rogou que lhe fosse trazida à mesa certa vez que foi jantar ao restaurantes Bahamas [a factura da sorte foi em nome de Jacinto Leite Capelo Rego].


«Escutas a Portas: "Kiel" passou a "aquilo" e "canal" passou a "Canalis"»


[Imagem]

 

 

 

 

||| Je suis Charlie Hebdo e blah-blah-blah

por josé simões, em 08.01.15

 

lalo alcaraz.jpg

 

 

Ontem todos tão solidários e prontamente indignados no Twitter, de dedo no gatilho mais rápidos que a própria sombra, por Ana Gomes ter sido ela própria, sempre à flor da pele e a dizer o que lhe vai na alma.


Hoje todos ainda tão solidários e a leste das notícias e das declarações do imbecil Antonis Samarás depois do ex-ministro Adonis Georgiadi ter lança do a bisca.


O quê? Eu? O Samarás falou? Não sabia. Desconhecia. Hoje ainda não ouvi notícias... A direita nunca desilude.


[Imagem]

 

 

 

 

|| "Em nome da nossa luta pela dignidade das mulheres"

por josé simões, em 20.03.12

 

 

 

Nos dois sítios do planeta onde há testes de virgindade, o Egipto e os Estados Unidos da América, Dominique Strauss-Kahn passava-passa-passou pelos intervalos da chuva. Ainda bem que estamos na Europa: "é um óbvio predador, quem o conhece sabe disso".

 

[Imagem de Chun Lis]

 

 

 

 

 

 

|| Qualquer operação militar tem na dissimulação a sua qualidade básica, Sun Tzu

por josé simões, em 03.04.11

 

 

 

 

 

Pois não. Foi uma estratégia que saiu mal e que chegou aqui, às eleições. «Se foi uma estratégia, há quem diga isso, eu não acredito nisso […]»

 

E o Povo, pá?

 

(Imagem)

 

 

 

 

 

 

 

|| Para que conste

por josé simões, em 11.11.10

 

 

 

 

 

 

No dia em que o Independent dá a conhecer uma da facetas do maravilhoso mundo do crescimento económico chinês sob a direcção do Partido Comunista, e onde os sonhos das crianças ocidentais são fabricados por crianças chinesas com idades compreendidas entre os 14 e os 16 anos, com cargas horárias laborais de 12 horas e alimentação deficiente, nas páginas do Avante! Jorge Cordeiro classifica como anticomunistas os críticos do China Way of Life.

 

(Imagem de autor desconhecido)

 

 

 

 

 

 

 

|| Sem-vergonhice (*)

por josé simões, em 10.07.09

 

 

 

Havia aquela estória do cúmulo da leveza e do elefante saltando suavemente de nenúfar em nenúfar.

 

(*) Acho que depois do Acordo Ortográfico já não é crime lesa-língua escrever assim…

 

(Imagem de Michael Elins)

 

 

 

|| Da Ética Republicana

por josé simões, em 05.07.09

 

 

 

Cem anos depois da implantação da República; cem e ainda mais alguns anos depois da auto-denominada “ética republicana” – entre aspas e em minúsculas – é preciso vir estipular por decreto aquilo que deveria ser do senso comum. E ainda há quem tenha a pouca vergonha de respingar e de se escudar com as tristezas alheias! Shame on you!

 

 

 

Da Infelicidade de alguns

por josé simões, em 08.11.08

 

Ouvi há bocado Ana Gomes dizer na SIC Notícias a propósito dos paraísos fiscais mais ou menos isto: “deste lado (Europa) foi um líder de Direita, Sarkozy, infelizmente, a propor o fim dos paraísos fiscais”.

 

Infelizmente porquê?! O combate à fraude, à evasão fiscal, ao crime organizado, é património da Esquerda? Depois admiram-se…

 

 

A Teoria da Conspiração

por josé simões, em 06.09.08

 

Visto daqui, desapaixonadamente, com os olhos de quem não é militante ou simpatizante do PS, ou de qualquer outro partido político.

 

Partindo do principio que houve uma cabala / conspiração.

O PS de Ferro, Pedroso & Ana Gomes, à época, não incomodava ninguém. E de tanto não incomodar até se atrapalhava a si próprio. Barroso dá de frosques para Bruxelas e Ferro dá de frosques do PS zangado com Sampaio pela opção Santana Lopes. Que foi o que se viu e que proporcionou ao PS a primeira maioria absoluta da sua história, com Sócrates a liderar, depois de ter ganho o partido com uma goleada à antiga.

 

E por demais óbvio que quem beneficiou da suposta decapitação politica do PS foi… o PS de Sócrates.

 

Era (é) aqui que Ana Gomes quer chegar?

 

(Na foto roubada no New York Times, Estaline, o mestre da Teoria da Conspiração, retocando, retocando, retocando o negativo, até ficar sozinho…)

 

 

 

Do carjaking

por josé simões, em 27.04.08

 

Ouço no telejornal que, o CDS/ PP apresentou um conjunto de recomendações ao Governo, com o objectivo de combater o fenómeno do carjacking.
É compreensível. Enquanto o povo andar embasbacado com as notícias do carjacking e do primeiro assalto do género em Vila Real, com honras de abertura de telejornal e tudo, não se lembra de outro fenómeno bem mais preocupante e que dá pelo nome de documentojacking ou fotocópiajacking.
 
(Na foto fanada ao Daily Telegraph, o príncipe Carlos, antes de ser “O Orelhas”, com a sua Excelentíssima mãe-Rainha)
 
 

Hugo Chávez no Prós & Contras

por josé simões, em 20.11.07

 

 

Cheguei tarde ao Prós & Contras de ontem sobre Hugo Chávez. Quando me sentei no sofá e liguei a televisão estava Ana Gomes a falar. Mas o fim-de-semana foi duro e nem dei por me ter deixado dormir. Acordei por volta da meia-noite e estava Ana Gomes a falar. Fiz um esforço para me reintegrar no debate; para aí de um minuto, talvez nem tanto, mas a ressaca de sexta, sábado e domingo era mais forte, e fiquei outra vez a dormir sem dar por nada. Tornei a acordar à uma da manhã e estava Ana Gomes a falar. Corrijo: acordei com o tom de voz de Ana Gomes. Desta vez fui para a cama. Sem ter a mínima noção do que se falou, e do que falava Ana Gomes.
 
Foram uma sucessão de coincidências, de todas as vezes que acordei estar a senhora a falar; ou só falou Ana Chávez, perdão, Ana Gomes? (Já estou a ficar baralhado).
 
 

Ana Gomes

por josé simões, em 08.01.07
“E tem reunido relevantes sinais indicando que, efectivamente, os EUA violaram direitos humanos em território português”
 
Joana Amaral Dias, Diário de Noticias 08/ 01/ 2007 sobre as investigações de Ana Gomes aos voos da CIA.
 
 
A obsessiva e, quase doentia persistência, da deputada europeia do PS nesta questão – com encontros imediatos do 3º grau pelo meio – ameaça, por mais razão que tenha, fazê-la cair e, com ela a credibilidade das investigações, para o plano do ridículo.
 
O que faz correr e, para onde corre Ana Gomes, ao transformar um caso que deveria ser problema dos EUA, num assunto interno do Estado português, arriscando todo um capital de simpatia adquirido após a sua prestação na questão de Timor?