Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

DER TERRORIST

"Podem ainda não estar a ver as coisas à superficie, mas por baixo já está tudo a arder" - Y. B. Mangunwijaya, escritor indonésio, 16 de Julho de 1998.

As coisas como elas são

por josé simões, em 24.03.20

 

1 (30).jpg

 

 

2 (24).jpg

 

 

3 (22).jpg

 

 

Como as pessoas não estão impedidas pelo decretado "estado de emergência" de sair de casa para irem às compras e se alimentarem; como as padarias são do ramo alimentar e dos raros negócios que não foram obrigados a fechar portas, ou  o liberal empresário, nome que vestem todos os pantomineiros - liberal e empresário, é mais um manhoso a tentar sacar uns milhões de euros ao contribuinte, por interposta pessoa, o Estado, ou, como diria o Dieselboom *, o padeiro português andou a gastar o dinheiro em putas e vinho verde, ou foi uma estratégia assente no endividamento, do viver a cima das possibilidades a contar com o ovo no cu da galinha, um empresário, portanto.