Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

DER TERRORIST

"Podem ainda não estar a ver as coisas à superficie, mas por baixo já está tudo a arder" - Y. B. Mangunwijaya, escritor indonésio, 16 de Julho de 1998.

"Agora que a corrida estoirou"

por josé simões, em 01.08.16

 

UHF.jpg

 

 

António Manuel Ribeiro quer em 2016, na Quinta da Atalaia ao Seixal, as 120 mil pessoas que estiveram em 1985 no Casalinho da Ajuda em Lisboa a cantar "Cavalos de corrida" e "Rua do Carmo", mesmo que a banda nunca mais tenha gravado um hit desde essa data e apesar de só existir pela falta de tomates de António Manuel Ribeiro em se assumir em nome próprio e continuar, perante a indiferença e o encolher de ombros de toda a gente, ex-músicos fundadores incluídos, a causar "danos patrimoniais" ao nome e à imagem da banda, enquanto vai recrutando yes musicians a eito até ao dia em que se fartam do ego, tamanho do rock em Portugal desde que o Joaquim Costa gravou "Rip It Up".

 

 

 

 

Guardar