Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

DER TERRORIST

"Podem ainda não estar a ver as coisas à superficie, mas por baixo já está tudo a arder" - Y. B. Mangunwijaya, escritor indonésio, 16 de Julho de 1998.

||| Foge cão que te fazem barão

por josé simões, em 17.12.15

 

 

 Agora que, pela primeira vez em democracia, há uma efectiva maioria de esquerda no Parlamento que suporta o XXI Governo constitucional onde, na tomada de posse, também pela primeira vez em democracia, as pessoas foram chamadas pelos seus próprios nomes sem o barão e o visconde a anteceder, era de bom tom encontrar uma norma regimental, ou um compromisso à semelhança do que excluiu autismo e autista do léxico parlamentar, que proibisse o senhor deputado de ser o senhor doutor, o senhor engenheiro, o senhor arquitecto, o senhor professor ou o senhor professor doutor e onde o primeiro-ministro fosse o primeiro-ministro, o ministro fosse o ministro, o secretário de Estado fosse o secretário de Estado e não o cão a quem fizeram barão.

 

 

 

 

||| Há dias assim

por josé simões, em 16.12.15

 

berlin wall.jpg

 

 

Nem o crédito fiscal é para cumprir nem a sobretaxa de IRS dura até 2019 nem os mencheviques são de confiança nem se pode confiar nos bolcheviques e até as fotografias já são a cores.


«PS aprova redução da sobretaxa com votos do PCP e do Bloco»


[Imagem]

 

 

 

 

||| Mudança de paradigma

por josé simões, em 13.12.15

 

brooklyn-street-art-sipros-jaime-rojo.jpg

 

 

Depois de 4 anos de amiguismo e de fidelidades partidárias nas nomeações de "técnicos", "especialistas", senhores doutores, e senhores professores doutores e outros pantomineiros, onde a competência não era tida nem achada para os cargos a ocupar e as funções a desempenhar, alguém que não puxa da pistola de cada vez que ouve falar em cultura.


«O historiador José Pacheco Pereira e a antiga ministra da Cultura Isabel Pires de Lima são os nomes escolhidos pelo Ministério da Cultura para a administração da Fundação de Serralves.»


[Imagem]

 

 

 

 

||| Pedagogia [continuação]

por josé simões, em 10.12.15

 

Lola Dupre.jpg

 

 

Por motivos que não cabem aqui neste espaço este último mês passei-o em casa a ver televisão, sobretudo a ver a televisão do militante n.º 1 – a SIC Notícias, principalmente o Opinião Pública, com os convidados do pensamento único dominante com lugar cativo, com as entrevistas e directos de rua, nunca mas nunca a sul do Tejo e com raríssimas excepções a partir do litoral urbano, com as entrevistas e directos dos/ nos institutos superiores de educação, politécnicos e universidades para dar uma caução de credibilidade erudita, como refere o leitor na caixa de comentários:


«A este propósito, é de referir as entrevistas de rua que se vão fazendo sobre a política nacional. Nomeadamente a estudantes do ensino superior de áreas diversas.


E aqui o que custa é ouvi-los falar de "tradição" em vez de constituição, de governos ilegítimos (este do PS) e do governo escolhido pela maioria do povo – o da PaF.


Dói ouvir estas opiniões de estudantes universitários. Mas dói mesmo.


Que professores têm? O que lhes foi ensinado? Onde está a curiosidade e o contraditório próprio destas idades?


São tão velhos e doentiamente mais conservadores do que os pais.


O que fizeram ao ensino universitário?
E aos ciclos anteriores?


A formatação deu resultados. Os exames também. A ênfase nas disciplinas estruturantes deu nisto. Os resultados quantitativos são o fim de tudo. O pensar não conta. Conta o empinanço e a sebenta.»


[Imagem]

 

 

 

 

||| Pedagogia

por josé simões, em 10.12.15

 

União_Nacional_Flag.png

 

A direita a subir, a esquerda a subir e os inquiridos a dizerem "que Costa devia ter negociado à direita". A União Nacional 41 anos depois. Pedagogia precisa-se. E de noções básicas de democracia também. Educação.


[Imagem]

 

 

 

 

||| Costa, esse graaaaande mentiroso

por josé simões, em 07.12.15

 

nope.jpg

 

 

A sobretaxa de IRS, que era para durar enquanto durasse a troika, que durou até ao dia em que Paulo Portas, vice-primeiro-ministro, saiu a correr de uma reunião com a troika para ir, como presidente do CDS, inaugurar na sede do partido ao Largo do Caldas um relógio em contagem decrescente para o dia da saída da troika e que, depois da saída da troika, continuou, não o relógio em marcha à ré mas a sobretaxa, avante e a todo o vapor, para uma "morte macaca" anunciada - uma marca no Governo, de Paulo Portas e do CDS - o partido da devolução, uma coisa inédita, o crédito fiscal, o Governo devolver um chouriço se conseguisse arrecadar uma vara de porcos e que já ia em 35% em Outubro, mês das eleições, mas que ficou em resto zero ainda antes do dia da Imaculada Conceição, Rainha e Padroeira de Portugal, por via das contas marteladas pelo Governo de direita, da direita que sabe fazer contas e por causa do défice armadilhado, mas que não vai afinal ser devolvida por António Costa - nem na totalidade, nem 35%, nem um café ao balcão, que não honra as promessas feitas em campanha eleitoral e ainda arrisca a que em 30 dias o trabalhinho de 4 anos seja deitado por água abaixo, apesar dos cofres cheios, de cagulo, até à boca.


Costa, esse graaaaande mentiroso.


[Imagem]

 

 

 

 

||| A "Máquina da Verdade"

por josé simões, em 06.12.15

 

AR.jpg

 

 

António Costa e o sistema parlamentar constitucional português na "Máquina da Verdade" nas tardes da Fátima Lopes pela mão de Marco António. "Roubou o Governo ao Pedro e ao Paulo?"


"Nós fomos tão vítimas como os portugueses de uma artimanha montada nas costas dos portugueses para conquistar o poder não pelo voto, mas por arranjos políticos ou administrativos dentro do parlamento"


[Imagem]

 

 

 

 

||| omfg!!!

por josé simões, em 03.12.15

 

hi5-logo-large.png

fyi"bff" é uma imprudência de Paulo Portas numa tentativa falhada lmfao, ftw, para desviar a atenção da seu atraso afk e ressabiado por gtfo do Governo.


asap ficámos todos a saber que andou em tempos pelo hi5, anónimo, com nick ou em modo próprio, nsfw. repito, nsfw.


wtf? um homem não é de ferro. btw, vai sair-lhe o tiro pela culatra. rtofl. xoxo.


[o significado das siglas estão a um click no Google]

 

 

 

 

||| Processo de Saturação da Opinião Pública Em Curso

por josé simões, em 02.12.15

 

sammy-slabbinck-going-nowhere.jpg

 

 

"O Governo ilegítimo". "Os partidos derrotados nas eleições". "Os partidos minoritários". "O Governo socialista-comunista". "Uma solução cozinhada". "Uma golpada". "Fazer a vontade ao PCP". "Desvirtuar o resultado das eleições". "Experimentalismos partidários". "Golden share do PCP e do Bloco". "Destruição da concertação social".


"Nunca interromper o inimigo quando ele está a cometer um erro", Napoleão Bonaparte.


[Imagem]

 

 

 

 

||| O senhor 0,14% nas ilhas adjacentes da Madeira

por josé simões, em 28.11.15

 

cufflink.jpg

 

 

"Foi por vontade de Deus, Que eu vivo nesta ansiedade.
Que todos os ais são meus, Que é toda minha a saudade"


O senhor 0,14% nas ilhas adjacentes da Madeira, escondido na Metrópole em coligação.


"Assunção Cristas, ontem, era ministra da Agricultura e hoje é deputada da oposição, eu ontem era vice-primeiro-ministro e hoje sou deputado da oposição, e há só uma coisa que sabemos: não foi pela vontade do povo que isso aconteceu"


[Imagem]

 

 

 

 

 

 

||| Dia 2

por josé simões, em 27.11.15

 

Paolo Porto.png

 

 

Carlos Costa, Governador do Banco de Portugal, já colocou o lugar à disposição de António Costa, novo primeiro-ministro?


[Imagem "Symphonie pour une Dissolution" series, 2008. Featuring dancer Camille Mutel, Paolo Porto]

 

 

 

 

||| Os arrufos de um general sem tropas e sem armas no seu labirinto

por josé simões, em 26.11.15

 

fabio valerio.jpg

 

 

Cavaco, O Avisador, O Institucionalista, O Provedor do Povo, o presidente de facção e delegado desportivo ao inter-turmas do liceu, pode demitir o Governo. E depois faz o quê, indica Passos Coelho primeiro-ministro com uma maioria de esquerda no Parlamento para o chumbar outra vez enquanto António Costa continua à frente de um Governo de gestão?


Cavaco, O Avisador, O Institucionalista, O Provedor do Povo, o presidente de facção e delegado desportivo ao inter-turmas do liceu, pode demitir o Governo. E depois faz o quê, nomeia um Governo de iniciativa presidencial com uma maioria de esquerda no Parlamento para chumbar tudo e mais alguma coisa que dali saísse?


Cavaco, O Avisador, O Institucionalista, O Provedor do Povo, o presidente de facção e delegado desportivo ao inter-turmas do liceu, pode demitir o Governo. E está criado um caso e a comunicação social, mais os paineleiros-comentadeiros com lugar cativo nas televisões e que dormem num anexo do estúdio numa mesma cama como os marinheiros dos submarinos para estarem permanentemente em directo a fazer colheres, já têm argumento de conversa para uma semana, mesmo que o tema da conversa não tenha a ponta de um corno por onde se lhe pegue. Deve ser a famosa pedagogia para o cidadão anónimo, consumidor de telenovelas e de casas com segredos.


[Imagem de Fabio Valerio]

 

 

 

 

||| Dia 1

por josé simões, em 26.11.15

 

manuel de sousa.jpg

 

 

Nem doutores, nem professores, nem professores doutores, nem engenheiros nem pessoas com 20 nomes no nome na tomada de posse do XXI Governo constitucional.


[A imagem é minha]

 

 

 

 

||| Dia 1

por josé simões, em 26.11.15

 

Christian Barroso.png

 

 

Contagem decrescente para o dia em que Paulo Portas, de quem ninguém precisa para coisíssima nenhuma e que teve um ganho colossal nas legislativas face ao verdadeiro valor do CDS [vide os números dos 'centristas' na Madeira onde foram a votos por conta própria], começar a correr em pista própria, que é como quem diz no dia em que der a primeira facada em Passos Coelho e na coligação PàFiosa.


[Imagem]

 

 

 

 

||| Dia 1

por josé simões, em 26.11.15

 

chen yi-jie.jpg

 

 

"É preciso ajudar o senhor Presidente da República a terminar o seu mandato com dignidade"


[Imagem "Walking bed. The period of time, large furniture will be idle in the street, waiting to be taken away". © Chen Yi-Jie]