Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

DER TERRORIST

"Podem ainda não estar a ver as coisas à superficie, mas por baixo já está tudo a arder" - Y. B. Mangunwijaya, escritor indonésio, 16 de Julho de 1998.

Quem quer saber das europeias?

por josé simões, em 14.05.19

 

Rui Duarte Silva - Expresso.jpg

 

 

[Rui Duarte Silva / Expresso]

 

 

 

 

O teu voto

por josé simões, em 10.05.19

 

cartaz.jpg

 

 

Serviço Jesuíta dos Refugiados [via]

 

 

 

 

Parabéns ao CDS

por josé simões, em 02.05.19

 

nunomelo.jpg

 

 

Parabéns ao CDS, não é fácil enfiar o programa todo num outdoor

 

 

 

 

¡Arriba Portugal!

por josé simões, em 29.04.19

 

vox.jpg

Estrangeirada no sagrado solo pátrio, se calhar pretos e muçulmanos, à vez ou dois em um, e ladroagem na classe política. Os ciganos ficam para a próxima, não perdem pela demora.

Senhoras e senhores, o legitimador do franquista, racista, homofóbico e machista Vox, uma legislatura inteira sentado ao lado de Viktor Orbán, ambos muito preocupados com a democracia na Venezuela, candidato ao Parlamento Europeu pelo país que talvez mais emigrantes tenha dado à Europa e ao mundo, Nuno Melo no Twitter do CDS:

 

Não podemos fazer de conta de que, quando a Europa está a implodir, quando as migrações são o tema que mais está a destruir os seus alicerces, a par da corrupção, vamos pôr o tema de lado e não falar dele porque podemos ser colados a quem quer que seja. @NunoMeloCDS #aEuropaéaqui

 

 

 

 

Eles andam aí...

por josé simões, em 21.04.19

 

SteveBannon.jpg

 

 

"A coligação liderada por André Ventura aparece com uma previsão de angariação para as eleições europeias de maio que supera a soma dos valores angariados por todos os outros partidos, totalizando 400 mil euros."

 

Basta com mais investimento na campanha do que o CDS

 

[Imagem]

 

 

 

 

||| Relatório e Contas. Resumo da Semana

por josé simões, em 31.05.14

 

 

 

[Daqui]

 

 

 

 

 

 

||| The next big thing

por josé simões, em 27.05.14

 

 

 

Diz que na política é como no futebol, ou se é bom jogador porque já se nasceu para aquilo, um predestinado com o dom [Messi, por exemplo], ou então chega-se lá com muito trabalho, dedicação e capacidade de sofrimento [para o caso Cristiano Ronaldo].

 

Agora ter no plantel alguém com os pés chatos, mas que meteu na cabeça que havia de ser jogador desse por onde desse e que, ao fim de 3 anos de treinos, nem um centro para a área sabe fazer quanto mais ter o espírito de matador para finalizar uma jogada com um pontapé certeiro para golo, desmoraliza a equipa e desmobiliza os adeptos.

 

"Estou naturalmente disponível para assumir essa responsabilidade, de liderar essa mudança e garantir um governo sólido em Portugal, porque isso é essencial para a mudança que os portugueses disseram muito expressivamente querer"

 

[Imagem "Di Stéfano marca en el 7-3 del Madrid al Eintracht en la final de la Copa de Europa de 1960", autor desconhecido]

 

 

 

 

 

 

||| Da série "Grandes Primeiras Páginas"

por josé simões, em 27.05.14

 

 

 

A primeira página do Libération

 

[Via]

 

 

 

 

 

 

||| "Isto é impressionante, mas no mau sentido"

por josé simões, em 27.05.14

 

 

 

"Sentado numa sala a ouvir líderes da União Europeia a reagir às eleições para o Parlamento Europeu parece-me que estão em profunda negação. Durão Barroso declarou que o euro não teve nada a ver com a crise, que foram tudo políticas falhadas ao nível nacional; há uns minutos atrás disse que o problema real da Europa é a falta de uma vontade política."

 

[Imagem de Kelly O’ Connor]

 

 

 

 

 

 

 

||| Qual é a pressa? [III]

por josé simões, em 26.05.14

 

 

 

Depois de considerar que a moção de censura anunciada pelo PCP vale nada por via da maioria absoluta no actual quadro parlamentar e de que não é mais do que um frete que os comunistas fazem ao Governo, António José Seguro apressou-se a informar que o PS vai votar a favor da dita cuja moção. Mesmo sem conhecer o conteúdo da mesma. Mesmo que a tal da moção comece, como habitual, mais ponto menos vírgula, por "O país é governado por políticas de direita, desde 1975, com o alto patrocínio do PS". O PS vota a favor. O PCP agradece. Depois formam uma frente unida, PS e PCP, do género das frentes de unidade popular nos países do leste na Europa do pós II Guerra Mundial na sombra de Estaline que, invariavelmente, acabaram com os partidos socialistas ou social-democratas absorvidos pelo partido "vanguarda da classe operária", devidamente purgados dos elementos contra-revolucionários e perigosos e vivem felizes para sempre.

 

Se não tiveres nojo bebe.

 

[Imagem "A Military Oath during the WW2 1941-1945"  by Michail Lukjanov]

 

 

 

 

 

 

||| Qual é a pressa? [II]

por josé simões, em 26.05.14

 

 

 

Seguro rima com seguro e com Tranquilidade e com Confiança e com OK e com Aliança e com Fidelidade.

 

"Se o PS chegar às legislativas com este resultado é o empastelamento total"

 

Seguro também rima com abono de família e providência cautelar. Se não tiveres nojo bebe.

 

[Imagem de Ramona Deckers]

 

 

 

 

 

 

||| O Verdadeiro Artista

por josé simões, em 26.05.14

 

 

||| Qual é a pressa?

por josé simões, em 26.05.14

 

 

 

O Partido Socialista com uma derrota estrondosa no dia em que a aliança de direita do governo de 3 anos de direita teve uma derrota histórica. Se não tiveres nojo bebe.

 

[Imagem]

 

 

 

 

 

 

||| Coisas importantes

por josé simões, em 25.05.14

 

 

 

Em tempos houve gente presa e torturada, em tempos houve gente que foi morta, em tempos houve gente que deu a vida para que, num dia como o de hoje, gente como nós pudesse fazer uma coisa tão simples como agarrar num papel e, depois de fazer uma cruz num quadrado, depositá-lo dentro de uma caixa e com isso dizer de sua justiça. Nunca ninguém se devia esquecer disto e devia ser ensinado nas escolas já que os pais não contam aos filhos.

 

[Imagem "Dick Higgins, Danger Music No.2, 1962. Performance at Fluxus Internationale Festspiele Neuester Musik, Wiesbaden 1962"]

 

 

 

 

 

 

||| Prioridades no combate político

por josé simões, em 23.05.14

 

 

 

Com o poder político entregue à direita mais reaccionária e radical de que há registo desde o dia 25 de Abril de 1974 – Presidência da República, Governo e maioria PSD/ CDS na Assembleia da república, o PCP define as suas prioridades no combate político.

 

«Moção de censura servirá para "clarificação" do PS, diz Jerónimo de Sousa»

 

E o PCP apresentar uma moção de censura ao PCP pela sua actuação no Parlamento do dia 23 de Março de 2011? Essa é que era.

 

[Imagem de Pawel Kuczynski]