Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

DER TERRORIST

"Podem ainda não estar a ver as coisas à superficie, mas por baixo já está tudo a arder" - Y. B. Mangunwijaya, escritor indonésio, 16 de Julho de 1998.

Maioria de Esquerda

por josé simões, em 28.02.07

Maioria de Esquerda.

 

O Presidente da República havia apelado para que a nova Lei da Interrupção Voluntária da Gravidez fosse o resultado de um consenso; ele aí está: PS, PCP, BE e Verdes unidos numa única proposta.

 

Marques Guedes, líder parlamentar do PSD considera que o acordo é legítimo, mas classifica-o de estranho por deixar de fora o seu partido.

 

Miguel Relvas, também do PSD e apoiante do “Sim” no referendo argumenta que este consenso não é mais que uma proposta orgânica de três partidos de esquerda e que se transformou “numa lógica partidária o que não tem lógica partidária”.

 

Perderam uma boa oportunidade para alargar o leque. Prestaram um mau serviço”, conclui Miguel Relvas.

 

A Interrupção Voluntária da Gravidez é um tema transversal à sociedade. A Justiça também.

O Pacto para a Justiça foi negociado entre o PS e o PSD. Vamos fazer um exercício simples e que, consiste em adaptar-lhe – ao Pacto para a Justiça – as declarações de Marques Guedes e Miguel Relvas.

 

Ah pois é!..