Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

DER TERRORIST

"Podem ainda não estar a ver as coisas à superficie, mas por baixo já está tudo a arder" - Y. B. Mangunwijaya, escritor indonésio, 16 de Julho de 1998.

Uma imagem...

por josé simões, em 21.12.06

Foi ontem homenageado o pintor Dias Coelho, eternizado em canção por José Afonso, e assassinado pela PIDE numa rua de Lisboa, corria o ano de 1961.

 

A notícia da efeméride e correspondente sessão evocativa (com discurso de Jerónimo de Sousa e da companheira do pintor, Margarida Tengarrinha) saiu na edição de ontem do Público, acompanhada de foto.

 

A foto consta de uma mulher de costas, sem identidade, sem expressão; anónima, não fosse a legenda: Margarida Tengarrinha.

 

Uma imagem vale mil palavras.

 

O estado dos comunistas em Portugal e no mundo.

A capitulação do indivíduo em prol do colectivo, como bem ficou demonstrado nas últimas semanas com a rábula da substituição dos deputados.

 

De costas para o mundo. Perdidos no tempo.

 

Uma imagem vale mil palavras.