Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

DER TERRORIST

"Podem ainda não estar a ver as coisas à superficie, mas por baixo já está tudo a arder" - Y. B. Mangunwijaya, escritor indonésio, 16 de Julho de 1998.

||| Quem matou a vida dos portugueses, os negativos e os originais, durante os anos da Troika?

por josé simões, em 29.03.16

 

Library of Congress.jpg

 

 

É impossível não deixar de cruzar estas duas notícias:


Em 2015 os bancos regressaram à rendabilidade com o regulador e supervisor bancário a referir que no ano passado "a rendibilidade do sistema bancário retomou valores positivos, depois de ter sido negativa entre 2011 e 2014". Entre 2011 e 2014.


«A Grande Depressão foi responsável por um dos períodos mais negros da economia dos Estados Unidos. Desemprego, pobreza, vidas miseráveis fazem parte das imagens, muitas delas icónicas, que ficaram desta época. Mas existem centenas de fotografias que não chegaram a ver a luz do dia os seus negativos eram perfurados.»


Quem matou a vida dos portugueses, quem furou os negativos e os originais durante os anos da Troika?

 

 

 

 

||| Derrotados à partida

por josé simões, em 29.03.16

 

 

 

"Le pays a connu un choc émotionnel, on a perdu des gens qui n'avaient rien a voir dans ce conflit". Marc Wilmots, seleccionador da Bélgica.


Qual "conflito"? Quem é que tem a ver e quem é que não tem a ver com o "conflito"? Quem é que era de justiça ter morrido e quem é que não era de justiça ter perdido a vida no/ com o "conflito"? Qual "conflito"?


Derrotados à partida, goleados, e nem sequer estou a pensar em futebol.


[Imagem]