Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

DER TERRORIST

"Podem ainda não estar a ver as coisas à superficie, mas por baixo já está tudo a arder" - Y. B. Mangunwijaya, escritor indonésio, 16 de Julho de 1998.

||| A culpa é de Vítor Constâncio

por josé simões, em 11.07.14

 

 

 

Ainda ninguém o disse. E o jeito que dava dizer. E até nem era difícil construir uma narrativa. Na base do "efeito borboleta" era sempre possível encontrar alguma coisa que, por A mais B mais C mais D mais... colocasse o ex-Governador do Banco de Portugal na origem de todos os males que assolam o Banco Espírito Santo.

 

Entretanto, na falta de Vítor Constâncio e de uma narrativa credível, começou ontem a surgir nas "redes sociais" [gloup] pela pena de alguns situacionistas uma ainda mais original, a de que a culpa é da irresponsabilidade do PCP e do Bloco que tudo estão a fazer para que as coisas corram mal no BES.

 

Mas isso foi ontem e, como o mundo nunca pára de nos surpreender, hoje há que saber distinguir os negócios da família Espírito Santo dos negócios do BES, coisa aparentemente fácil se nos conseguirmos abstrair de que os negócios da família Espírito Santo são o BES. O que não exclui a culpa do PCP e do Bloco e, remotamente, do laxismo de Vítor Constâncio que deixou tudo armadilhado para Carlos Costa, actual governador.

 

 

 

 

 

 

||| Fiscalidade verde my ass

por josé simões, em 10.07.14

 

 

 

Basta ter seguido com atenção o que escreviam nos blogues e nas "redes sociais" [gloup] as centenas de peões de brega de Pedro Passos Coelho, depois contratados como técnicos e especialistas para o Governo PSD/ CDS-PP, sobre o aquecimento global e sobre as energias renováveis para perceber que o Governo da direita não está preocupado coisíssima nenhuma com o ambiente. Se o Governo estivesse seriamente preocupado com o ambiente fazia uma norma a proibir pura e simplesmente a utilização de sacos de plástico em supermercados, substituídos por sacos de papel reciclado, como aqueles que a gente vê nos filmes amaricanos. Mas isso era uma chatice para o lobby do plástico e para o lobby das celuloses e o Governo não está cá para afrontar lobbies, antes pelo contrário. O que o Governo quer é sacar mais uns milhões de euros ao bolso do cidadão nem que para isso faça das tripas coração e invoque o ambiente e a protecção do ambiente.

 

[Imagem]

 

 

 

 

 

||| Coisas do arco da velha

por josé simões, em 10.07.14

 

 

 

Era capaz de jurar que ouvi e vi António José Seguro ontem nas televisões. todo sorridente. jurar que o Governador do Banco de Portugal lhe tinha jurado que estava tudo bem com o Banco Espírito Santo.

 

"Suspensa a negociação das acções do BES à espera de informação relevante"

 

"Mercados internacionais nervosos com a situação no BES"

 

[Imagem]

 

 

 

 

 

 

||| De vez em quando até o Correio da Manha [*] tem momentos de lucidez

por josé simões, em 10.07.14

 

 

 

[*] Sem til, não é gralha

 

 

Paulo Núncio, militante do CDS, nomeou Lobo Xavier, militante do CDS, para presidir a uma comissão que vai avaliar a reforma do IRC, elaborada por uma comissão presidida por Lobo Xavier, o militante do CDS.

 

O caso nem é Lobo Xavier ser juiz em causa própria, que a estas chico-espertices o povo já está habituado, o caso é Lobo Xavier, "o gestor e mestre em direito fiscal", um credível a toda a prova, portanto, também ficar incumbido de "recomendar ao Executivo a taxa nominal desse imposto para os anos de 2015 e 2016. Ou seja, não será o governo a determinar a futura redução da taxa, mas António  Lobo Xavier", portanto também. Olé!

 

[Imagem "Hole in Fence, Paris, 1936", Fred Stein]

 

 

 

 

 

 

||| Da série "Grandes Primeiras Páginas"

por josé simões, em 10.07.14

 

 

 

A capa da Metro, Brasil

 

 

 

 

 

 

 

||| Cenas dos próximos capítulos

por josé simões, em 09.07.14

 

 

 

Seguir com muita atenção o contorcionismo de quem sempre defendeu que os prazos da dívida pública não deviam ser renegociados, e a ginástica acrobática de quem sempre afirmou que as agencias de rating se limitavam a fazer o que tinha de ser feito, a prestar o serviço para o qual haviam sido criadas, os Estados é que não tinham feito o trabalho de casa.

 

[Imagem de autor desconhecido]

 

 

 

 

 

 

 

 

||| Um mentiroso compulsivo

por josé simões, em 09.07.14

 

 

 

Ora deixa cá ver quem é que quem governava entre 2007 e 2011...

 

"Na apresentação do relatório da Organização para a Cooperação e Desenvolvimento Económico (OCDE) sobre a consolidação da reforma estrutural em Portugal, encomendado pelo Governo e entregue ontem, terça-feira, Pedro Passos Coelho elogiou o trabalho dos últimos anos, sublinhando a diminuição da desigualdade dos rendimentos e da taxa de pobreza relativa. Contudo, as conclusões baseiam-se em números centrados no período entre 2007 e 2011, apresentados no relatório."

 

[Pinocchio na imagem]

 

 

 

 

 

 

||| Fazer os outros de estúpidos

por josé simões, em 09.07.14

 

 

 

Um Governo de fanáticos, ideologicamente cegos e sem a mínima intenção de flexibilização negocial, mete mãos à obra de aplicar à sociedade uma cartilha política que, além de não ter sido sufragada em eleições, foi escondida dos cidadãos pela omissão e pela mentira e, quando determinados sectores da sociedade reagem em defesa do bem comum, ó da guarda que é "por motivos políticos" que exploram o descontentamento da sociedade. Se calhar a sociedade que se sente enganada e usada pela mentira política que não foi a votos. Fazer os outros de estúpidos é isto.

 

[Imagem de Fred Stein]

 

 

 

 

 

 

||| Grã-Cruz da Ordem do Mérito Empresarial - Classe do Mérito Comercial

por josé simões, em 09.07.14

 

 

 

Chico-espertismo [somos uns para os outros, por quem sois?!], amiguismo e empreendedorismo empresarial português, ou a pergunta clássica "porque é que o português é o melhor trabalhador do mundo para qualquer lado que emigre e em Portugal é sempre abaixo de cão por mais alterações que se façam às leis laborais"?

 

"A Portugal Telecom (PT) poderá ficar com a participação na brasileira Oi, com quem está em processo de fusão, reduzida a metade do que o inicialmente previsto, devido ao investimento de 897 milhões de euros em papel comercial da Rioforte, do Grupo Espírito Santo"

 

[Imagem]

 

 

 

 

 

 

||| No país do Volkswagen fusca

por josé simões, em 08.07.14

 

 

 

Numa perspectiva duma União Europeia que não existe isto podia ser bom, para o espírito de união da maralha e para o orgulho e para o ego e tal. Mesmo existindo uma União Europeia isto nunca seria bom para o espírito de uni\ao da maralha e para o orgulho e para o ego e tal. A minha pátria é a língua portuguesa.

 

[Imagem]

 

 

 

 

 

 

||| Há aqui qualquer coisa que não está bem

por josé simões, em 08.07.14

 

 

 

Na véspera a gente ouve e vê o vice-trampolineiro Paulo Portas nas televisões, com ar sério e sem aquele característico sorriso cínico de superioridade iluminada, jurar por Deus e pelas alminhas que os salários dos funcionários públicos vão começar a ser repostos, já em 2015 e ao ritmo de 20% ao ano e, no dia seguinte, a maioria PSD/ CDS-PP, que suporta o vice-trampolineiro e o seu partner, senhor Coelho, primeiro-ministro no Governo, aprova a reintrodução dos cortes salariais.

 

Nada de mais, deve ser o famoso "we' ve got to get in to get out" que o Peter Gabriel cantava nos idos dos Genesis. E nada de mais também não fora as reposições serem atiradas [acredite quem quiser], para o próximo executivo, seja ele qual for, por parte de quem está sempre com a boca cheia do "a herança que deixamos às gerações futuras".

 

O que aqui não está bem não é o facto de dizerem uma coisa hoje e fazerem precisamente o seu contrário, logo no dia seguinte e sem sequer um intervalinho para assentar a poeira do esquecimento, porque isso não é defeito é feitio, é a natureza deles. O que não está aqui bem é, depois de tudo isto, e isto é só mais uma para a colecção, continuar a haver quem se disponha no dia das eleições a fazer a cruzinha no boletim de voto nos quadrados ao lado dos símbolos do PSD e do CDS. Isto é um case study.

 

[Imagem]

 

 

 

 

 

 

||| O estado da Nação

por josé simões, em 08.07.14

 

 

 

NSFW (Not Safe For Work)

 

[Daqui]

 

 

 

 

 

 

||| Filipe VI de Espanha, V de Portugal

por josé simões, em 08.07.14

 

 

 

[Imagem]

 

 

 

 

 

 

||| In Memoriam

por josé simões, em 07.07.14

 

 

 

Alfredo Di Stéfano

 

1926 – 2014

 

 

 

 

 

 

 

||| Back in the USSR

por josé simões, em 07.07.14

 

 

 

"Quem paga encomenda a música", provérbio russo.

 

Podemos sempre recuperar a polémica anos 80, e anos-quando-der-jeito, da "traição à Pátria" pelo suposto financiamento do PCP pela então URSS, a menos que os campos da luta ideológica sejam mais, substancialmente mais, traição à pátria, para um país membro da União Europeia e da NATO, do que o campo do selling England by the ruble pound, segundo o mui liberal princípio de que o dinheiro não tem cor nem bandeira nem pin na lapela.

 

"Los Oligarcas rusos financian al Partido Consevador britânico"

 

[Na imagem "Nikita Kruschev’s shoes" at Brown University, USA]