Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

DER TERRORIST

"Podem ainda não estar a ver as coisas à superficie, mas por baixo já está tudo a arder" - Y. B. Mangunwijaya, escritor indonésio, 16 de Julho de 1998.

|| Qual foi a parte que eu não percebi?!

por josé simões, em 13.05.11

 

 

 

 

 

Há força da repetição, em todos os sítios, todos os dias e a todas as horas, fomos obrigados a decorar que “foi a maior crise dos últimos cem ianos (sic), e que o Governo teve de tomar as medidas necessárias para acudir a situações de emergência, e às famílias carenciadas, e para salvar os empregos e as empresas e os bancos e mais o Estado Social, e foi por isso, e só por isso, que o Orçamento ficou fora de controlo”. E tudo isto enquanto ouvíamos as notícias, todos os dias e a todas as horas, sobre as empresas que fechavam portas e os empregos que se esfumavam.

 

Afinal parece que «o aumento [mais] do desemprego, previsto pela Comissão Europeia, é "o preço a pagar pela consolidação orçamental"».

 

Qual foi a parte que eu não percebi?!