Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

DER TERRORIST

"Podem ainda não estar a ver as coisas à superficie, mas por baixo já está tudo a arder" - Y. B. Mangunwijaya, escritor indonésio, 16 de Julho de 1998.

In Memoriam

por josé simões, em 04.12.16

 

Ferreira Gullar.jpg

 

 

Ferreira Gullar


1930 – 2016

 

 

 

 

Trata Deus por tu

por josé simões, em 13.10.16

 

Bob-Dylan.jpg

 

 

Oh God said to Abraham, "Kill me a son". Abe says, "Man, you must be puttin' me on…". God say, "No". Abe say, "What ?". God say, "You can do what you want Abe, but the next time you see me comin' you better run"

 

 

 

 

In Memoriam

por josé simões, em 13.10.16

 

Dario Fo.jpg

 

 

Dario Fo


1926 – 2016

 

 

 

 

||| In Memoriam

por josé simões, em 31.03.16

 

Imre-Kertész-as-a-child-in-the-German-concentrati

 

 

Imre Kertész


1929 – 2016


[Imagem]

 

 

 

 

||| The impact of a single book

por josé simões, em 17.03.16

 

blake.jpg

 

 

"One book can change everything". Jorge Mendez Blake, The Castle.

 

 

 

 

||| O Islão moderado

por josé simões, em 23.02.16

 

irão.jpg

 

 

Agora que o Irão, sem sair do mesmo sítio, é o islão moderado e está de volta ao convívio das nações civilizadas e envia o representante dos ayatollahs em tournée pelo mundo civilizado, aka Europa, com malas cheias de dinheiro barato e poços de petróleo em velocidade de cruzeiro:


«Quem assassinar o autor de Versículos Satânicos recebe uma recompensa suplementar de mais de 500 mil euros oferecida por meios de comunicação social ligados ao regime de Teerão.»


A Terra gira e o Islão gira com ela.


[Imagem de autor desconhecido]

 

 

 

 

 

||| In Memoriam

por josé simões, em 20.02.16

 

Umberto Eco.png

 

 

Umberto Eco


1932 – 2016

 

 

 

 

||| In Memoriam

por josé simões, em 19.02.16

 

Harper Lee.jpg

 

 

Harper Lee


1926 – 2016


[Imagem]

 

 

 

 

||| Da série "Grandes Primeiras Páginas"

por josé simões, em 17.04.15

 

A capa do Der Spiegel.jpg

 

 

A capa do Der Spiegel

 

 

 

 

||| In Memoriam

por josé simões, em 13.04.15

 

Gunter-Grass.jpg

 

 

Günter Grass


1927 – 2015

 

 

 

 

||| Por estes dias lembro-me sempre deste livro

por josé simões, em 23.08.14

 

 

 

 

 

 

 

 

||| In Memoriam

por josé simões, em 17.04.14

 

 

 

Gabriel García Marquez

 

1927 – 2014

 

 

 

 

 

 

|| In Memoriam

por josé simões, em 23.10.13

 

 

 

Manuel Medeiros

 

desde sempre – 2013

 

 

Morreu o gajo que me chateava a trocar os livros do sítio deles nas prateleiras, quero pensar que era eu o objecto da "tortura". "Então a Assírio & Alvim que costumava estar aqui???", "Esses gajos escrevem de propósito para ti e além disso habituas-te a entrar e ir logo direitinho ao sítio das coisas e não vês mais nada e nem dizes nada a ninguém". E lá ficávamos horas a dar à tramela a somar às horas que me tinha feito "perder" a vasculhar prateleiras e estantes e ter descoberto coisas que eu nem sequer imaginava que pudessem existir. Era a minha porta Nárnia nas montanhas de páginas escritas. "Queria o livro tal do fulano de tal e não encontro…" e o empregado ia à base de dados no computador procurar o livro de tal do fulano de tal e quando o empregado descobria o livro de tal do fulano de tal já o sôr Medeiros estava há buéee ao pé de mim com o livro na mão e de caminho para o livro já me tinha dito qual era a editora quem tinha escrito o prefácio e qual o artista plástico que tinha feito a capa. Mais rápido que a própria sombra, quer dizer, que o computador com e empregado no teclado. E era mais uma tarde "perdida" a falar de tudo e mais alguma coisa e de coisas que nem lembra ao careca e chegavam mais uns quantos novos e velhos e era tudo ao barulho. Uma alegria. Três horas passadas "Então já te vais embora?.. Este gajo é uma anti-social, sempre a correr de um lado para o outro, não fala com ninguém...". Pois.

 

Morreu uma biblioteca maior que a biblioteca de Alexandria e a cidade ficou mais pobre. Obrigado por tudo, sôr Medeiros.

 

 

 

 

 

 

 

 

|| In memoriam

por josé simões, em 30.08.13

 

 

 

Seamus Heaney

 

1939 – 2013

 

 

 

 

 

 

|| Eu hoje acordei assim

por josé simões, em 18.07.13