Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

DER TERRORIST

"Podem ainda não estar a ver as coisas à superficie, mas por baixo já está tudo a arder" - Y. B. Mangunwijaya, escritor indonésio, 16 de Julho de 1998.

Os porcos na chafurda

por josé simões, em 08.01.18

 

pink_floyd_pig.jpg

 

Mário Centeno é do Benfica e o filho de Mário Centeno também. Mário Centeno gosta de ir à bola com o filho, como todos os pais que gostam de espectáculos desportivos sejam adeptos de que clube forem. Mas Mário Centeno como ministro das Finanças não pode ir à bola com o filho como ia o Mário Centeno anónimo, para a bancada. É que, apesar de vivermos em Portugal do fim do mundo onde não se passa nada, o tempo de Jorge Sampaio a ir a pé de casa para o trabalho é um tempo que já lá vai. E quem não percebe esta coisa simples, de um ministro das Finanças na bancada do estádio, não percebe nada. Os que não querem perceber é outra história. E Mário Centeno é o ministro da inversão das políticas da direita radical, de todas as metas cumpridas, da saída do lixo das agências e da presidência do Eurogrupo. O Mário Sem Tino, como lhe chamava a direita radical nas "redes" para o desacreditar e enxovalhar, e que fez Passos Coelho chorar a rir na primeira prestação enquanto ministro no Parlamento. Deram com os burrinhos na água e, como não conseguem arranjar nada por onde pegar, soltaram os porcos na chafurda.

 

[Imagem]