Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

DER TERRORIST

"Podem ainda não estar a ver as coisas à superficie, mas por baixo já está tudo a arder" - Y. B. Mangunwijaya, escritor indonésio, 16 de Julho de 1998.

Generalizando

por josé simões, em 18.07.17

 

shock.jpg

 

 

Passava os dias sem fazer nada, "abria portas", segundo o seu ex-patrão Ilídio Pinho.

Vivia de subsídios - fundos comunitários, através de uma empresa criada propositadamente para o efeito - a Tecnoforma,  e de enganar os incautos com profissões para locais de trabalho que não existiam nem viriam a existir.

Não descontava para a Segurança Social.

Chegou a primeiro-ministro de Portugal.

O PSD e Pedro Passos Coelho, uma história de ciganos.

 

[Imagem]