"Podem ainda não estar a ver as coisas à superficie, mas por baixo já está tudo a arder" - Y. B. Mangunwijaya, escritor indonésio, 16 de Julho de 1998.
04
Mai 16
publicado por josé simões, às 19:45link do post | comentar

 

BullBeginningIsNear.jpg

 

 

«[...] "o socialismo em que vivemos impregnados, e que hoje se chama 'estado-providência', ou 'modelo social europeu', que nos condena à mediocridade'.»


O que nos "condena à mediocridade" foi a Europa do 'estado providência' ter abdicado do 'modelo social europeu' – imagem de marca e, ainda hoje, íman para milhares que ambicionam um futuro melhor para si e para os seus, ao invés de não o ter imposto nos acordos da globalização do livre comércio das marcas e das corporações, numa cedência fatal à narrativa dos amanhãs que cantam na liberalização e desregulação que, inevitavelmente vai condenar a Europa à mediocridade e à irrelevância.


[Título e imagem]

 

 

 

 


publicado por josé simões, às 11:48link do post | comentar

 

Tess Asplund, Sweden.jpg

 

 

Tess Asplund.jpg

 

 

Tess Asplund_.jpg

 

 

"Tess Asplund, 42, stepped out in front of 300 Nazis marching through the city of Borlange, Sweden, and faced its leaders with her fist in the air"

 

 

 

 

 

 

 


03
Mai 16
publicado por josé simões, às 20:07link do post | comentar

 

 

 

Ou a Europa do Partido Popular Europeu.


"Gestor do Estado no Banif diz que Bruxelas se tornou mais exigente com o PS no Governo"

 

 

 

 


publicado por josé simões, às 19:51link do post | comentar

 

tin soldier.jpg

 

 

Diz que o Colégio Militar é alvo de um grande "escrutínio do poder político, mediático e da sociedade". Aliás, é mesmo "um bombo da festa mediático". Mais: "a sociedade exige muito desta escola". Onde é que já se viu?! A sociedade, que é como quem diz o contribuinte, exigir muito de uma escola de elite, paga pelo dinheiro do contribuinte, em linguagem militar, o dinheiro da sociedade.


Difícil não é chegar, difícil é saber sair. E os senhores que presidem ao Colégio Militar e os senhores que presidem aos senhores que presidem ao Colégio Militar ainda não perceberam que chegou a hora de saírem e continuam, alegremente, no papel de [es]tarolas da festa mediática [tarola em vez de bombo porque instrumento mais consentâneo com a condição militar. Toque de caixa, marcar passo. Um, dois, esquerdo, direito]


[Imagem]

 

 

 

 


publicado por josé simões, às 08:00link do post | comentar

 

aha.jpg

 

 

"O que nos preocupa é que os alunos estão com exames à porta e mostram-se desorientados com esta situação"


O objectivo último do "rigor" do ensino nos colégios privados – o exame; o modus operandi da "excelência" do ensino nos colégios privados – trabalhar alunos para exames e aparecer no top of the pops no ranking das escolas.


Sacos de vento de conhecimento. Fica toda a gente satisfeita, os pais porque pagaram e vêm "resultados", os colégios porque receberam o pagamento e vêm o seu "mérito" reconhecido. Amanhã é outro dia.


[Imagem]

 

 

 

 


02
Mai 16
publicado por josé simões, às 11:55link do post | comentar

 

 

 

Imperialismo não é chegar com as tropas e ocupar o território e, passados uns tempos, sair e deixar um Governo fantoche instalado. Não. Isso é terrorismo de Estado, de um país sobre outro. Imperialismo é meter as marcas e as corporações acima da regulação e da legislação dos Estados e dos governos dos países. Imperialismo é meter o poder económico a decidir pelo poder político. Imperialismo é isto:


"You can download all the documents below, as a whole and per chapter.
TTIP Leaks"

 

 

 

 


publicado por josé simões, às 08:14link do post | comentar | ver comentários (1)

 

 

 

E que faz gosto em sê-lo. "Presidente do PSD não vê razões para celebrar 1º de Maio".


[Imagem de Luis Carregã]

 

 

 

 


01
Mai 16
publicado por josé simões, às 21:44link do post | comentar

 

All are indebted to Chairman Mao and to the Commun

 

 

"Normalmente os membros do Governo gastam imenso tempo a desfazer ‘papões’ que ninguém criou a não ser o próprio Governo. Durante semanas o Governo faz chegar à comunicação social as informações mais dramáticas e depois aplica-se, nas semanas seguintes, a desmenti-las e acha que com isso ganhou imensa coisa"


O outro era a "reeducação pelo trabalho". Não remunerado. Não eram os manhosos do subsídio de desemprego nem os calaceiros do RSI mas o princípio é o mesmo. E o termo usado não era "papão" era "tigre de papel".


[Cartaz chinês de propaganda na imagem: "All are indebted to Chairman Mao and to the Communist Party"]

 

 

 

 


publicado por josé simões, às 21:05link do post | comentar

 

someone-erasing-drawing-human-brain.jpg

 

 

Na capital do Cavaquistão, se calhar em homenagem aos idos em que a UGT de Torres Couto erguia um cálice de Porto para celebrar com Cavaco Silva mais cortes em direitos em regalias, Carlos Silva reescreve a história dos últimos 5 anos com um delete ao consulado de João Proença. "Impostas" é o termo. A UGT nunca existiu.


"Enalteceu, a propósito, "a reversão de um conjunto de medidas [pelo actual Governo] que de uma forma muito liberal foram impostas nos últimos anos", como os cortes salariais, a valorização da concertação social e a reposição das 35 horas de trabalho semanal."


[Imagem]

 

 

 

 


publicado por josé simões, às 20:08link do post | comentar

 

De La Soul ‎– Me Myself And I.jpg

 

 

Este fim-de-semana foi assim.


Me Myself And I ~ De La Soul


[7" vinyl]

 

 

 

 


publicado por josé simões, às 00:01link do post | comentar

 

Diário de Lisboa.jpg

 

 

 

 

 


30
Abr 16
publicado por josé simões, às 20:53link do post | comentar

 

 

 

Blah-Blah-Blah. Num quiosque ou numa banca perto de si.

 

 

 

 


publicado por josé simões, às 10:44link do post | comentar

 

action.jpg

 

 

[Aqui]

 

 

 

 


publicado por josé simões, às 00:01link do post | comentar

 

Ute Mahler May 1980, Karl-Marx-Allee, Berlin, East

 

 

May 1980, Karl-Marx-Allee, Berlin, East Germany, Participants in the 1 May Parade


Ute Mahler

 

 

 

 


29
Abr 16
publicado por josé simões, às 12:58link do post | comentar | ver comentários (2)

 

Marcelo taxista.jpg

 

 

Já que uma das funções do Governo parece ser proteger as corporações, zelar pelos interesses instalados e que se dane a livre iniciativa, a concorrência e o consumidor/ utilizador, para satisfazer os taxistas em protesto por causa da Uber inventava-se uma espécie de Projecto de Lei 118, com uma taxa a incidir sobre os android, iPhone e tablets diversos, partindo do princípio que quem os compra vai instalar a aplicação para chamar o "carro de praça", pagávamos todos e não se falava mais nisso.


[Imagem]

 

 

 

 

tags: ,

28
Abr 16
publicado por josé simões, às 19:55link do post | comentar

 

vintage-dc-comics-superman-clark-kent-halloween-ma

 

 

Durante dezenas de anos Ricardo Salgado e o Banco Espírito Santo pagaram jornais inteiros, o Expresso incluído, por via da publicidade no jornal principal, nas revistas, revistinhas, cadernos e anexos do golfe e do ténis e da jardinagem e da casa e imobiliário, tudo ensacado num plástico com umas tiras verdes e publicidade ao BES. Os jornais, os jornalistas pegavam com pinças em tudo o que cheirasse, mesmo que ao de leve, a sagrada família, em nome do pai, dos filhos e do Espírito Santo que as vendas de jornais estavam/ estão pela hora do pessoal só ver as gordas nas bancas e nos quiosques ou no online com o adblock activado.


A sério que ainda levam o Expresso a sério?


Durante dezenas de anos, mais propriamente quarenta e dois, a contar desde o dia 25 de Abril de 1974 até à hora em que teclo estas linhas, jornalistas suspenderam, os que suspenderam, a carteira de jornalista e abraçaram, de corpo e alma e de conta bancária recheada, as causas de governos e de presidentes e de câmaras municipais e de embaixadas e de consulados diversos de países diversos para depois, terminada a comissão de serviço, regressarem aos jornais, como se nada tivesse acontecido, para continuarem a investigar e a informar, de forma isenta e imparcial os leitores, que a gente faz que acredita e há outros que gostam de ser comidos por parvos e jornalismo e jornalistas militantes é no Avante! .


Mas agora tudo muda porque o morto, ex-Dono Disto Tudo e da publicidade paga nos jornais também, que morreu mesmo mesmo mesmo antes de ser condecorado no Dia da Raça, foi azar, por um cadinho assim, parece que tinha um saco azul na cidade do Canal com o qual pagava, que neste contexto quer dizer comprava, autarcas, funcionários públicos, gestores, empresários e jornalistas. Jornalistas. Jornalistas nos Panamá Tretas. Isso é que não pode ser.


A sério que levam os jornalistas e o sindicato dos jornalistas a sério?


[Clark Kent na imagem]

 

 

 

 


publicado por josé simões, às 19:14link do post | comentar | ver comentários (10)

 

cigarrilha.jpg

 

 

Vamos ao que interessa. E o que interessa é este senhor, que passou os últimos 5 anos a insultar os portugueses, vai, aos 62 anos de idade, fazer o que nenhum dos seus conterrâneos vai alguma vez conseguir: reformar-se. O aumento da esperança de vida, a sustentabilidade da Segurança Social e o coise. Este senhor, que passou os últimos 5 anos a insultar os portugueses, vai, aos 62 anos de idade, fazer uma coisa que, nem nos melhores sonhos sonhados, os seus conterrâneos vão alguma vez sonhar fazer: reformar-se com uma reforma milionária. O crescimento económico indexado, a produtividade e o coise também. De certeza que merece. "Auguenta, auguenta!" Auguentamos nós por ele. [Não, não é gralha, é assim que os coitados que auguentam falam].


[Imagem de autor desconhecido]

 

 

 

 


publicado por josé simões, às 12:29link do post | comentar | ver comentários (1)

 

União_Nacional.png

 

 

"A Câmara Corporativa era um órgão representativo de natureza consultiva da República Portuguesa, prevista pelo Artigo 102.º da Constituição de 1933."


Não me lembro de ter votado, ou de alguém ter votado em Mário Nogueira ou em João Dias da Silva para ministros da Educação, mas dou de barato que possa estar enganado...


[Imagem]

 

 

 

 


27
Abr 16
publicado por josé simões, às 17:47link do post | comentar

 

trapezista.jpg

 

 

E o que dizia João Salgueiro, o senhor que era presidente da outra associação que, além do Banco de Portugal e de Carlos Costa, zela pelos interesses dos bancos e dos banqueiros – a Associação Portuguesa de Bancos, corria o ano de 2008 e a Euribor a seis meses atingia o pico de 5,276 por cento enquanto a três meses se fixava nos 5,066 por cento, deixando muitas famílias em incumprimento e com a corda na garganta? Paciência. Temos pena. Tivessem juízo.Tivessem pensado no futuro. É executar as hipotecas. Ide morar para casa dos pais. Ou para uma barraca de tábuas e cartão.


"João Salgueiro entende que os portugueses sentem na carteira o peso do aumento das taxas de juro, mas frisou que a "cultura do desenrasca", muito própria do povo lusitano, que não faz contas à vida, também não ajuda.


«O endividamento começa nas campanhas de publicidade», já que «quando há uma campanha agressiva para passar férias no Brasil», as pessoas convertem dívidas para aproveitar a viagem, ou seja, «a decisão não é dada pelo endividamento mas pela compra», sublinhou.


O presidente da Associação Portuguesa de Bancos frisou que «o problema do estilo de vida é uma questão de mentalidade, estimulada pelas campanhas de publicidade»." [Via]


[Imagem de autor desconhecido]

 

 

 

 


publicado por josé simões, às 12:49link do post | comentar

 

jacq the stripper.jpg

 

 

Prejuízo só para o contribuinte quando paga o resgate dos bancos pelos desmandos da "excelência da gestão privada" depois de anos a facturar milhões e de retribuições pornográficas a banqueiros e accionistas.


"Governador contrário a lei que possa pôr os bancos a pagar parte do capital aos clientes, acenando com prejuízos de 700 milhões de euros por ano para os bancos."


[Imagem]

 

 

 

 


"Podem ainda não estar a ver as coisas à superficie, mas por baixo já está tudo a arder" - Y. B. Mangunwijaya, escritor indonésio, 16 de Julho de 1998.
twitter / der_terrorist
zequim
pesquisar neste blog
 
Maio 2016
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5
6
7

8
9
10
11
12
13
14

15
16
17
18
19
20
21

22
23
24
25
26
27
28

29
30
31


kim jong
che
support israel
links
View blog authority Twingly BlogRank
subscrever feeds